Após uma desvalorização já prevista, Bitcoin sobe 3% e se recupera

A moeda segue conforme a previsão dos analistas

Ao longo da última semana o Bitcoin se manteve próximo a US$3900, atingindo um pico de US$3906 na última quinta-feira, 28 de fevereiro. Apesar da estabilidade, na segunda-feira (4) a moeda sofreu uma desvalorização, caindo de US$3844 para Us$3776.

WeBitcoin: Após uma desvalorização já prevista, Bitcoin sobre 3% e se recupera
Gráfico do valor do Bitcoin ao longo da última semana retirado do CoinMarketCap

O ocorrido confirma a previsão realizada por traders após uma profunda análise dos gráficos quando o ativo ultrapassou US$4000. De acordo com os analistas, o gráfico seguia a mesma tendência registrada entre 8 e 12 de fevereiro, período no qual o Bitcoin subiu de US$3.337 para US$3.711 e recuou para US$3.500 logo em seguida.

Agora, com a concretização da previsão, espera-se que a recente valorização represente um melhor índice de estabilidade para tendências a longo prazo.

A capitalização e o volume de mercado também demonstraram recuperação, atingindo um pico de US$68.879.957.077 e US$10.408.881.704 respectivamente nesta manhã, no momento em que o ativo chegou a US$3919.

No momento da escrita o valor do Bitcoin é de US$3896,83 de acordo com o CoinMarketCap.