ASX confirma adoção de blockchain em 2021

Mudança era planejada para ocorrer originalmente em 2020

A Australian Securities Exchange (ASX) confirmou sua intenção de usar blockchain em suas operações na Austrália e na Nova Zelândia. A decisão ocorre depois da organização se associar ao Digital Asset, um desenvolvedor baseado em blockchain de Nova York, e à VMware, fornecedora de software de computação em nuvem.

Com base no acordo, a ASX desenvolverá um sistema baseado em DLT para substituir o sistema de sub-registro eletrônico (CHESS) de 25 anos. A ASX informou que está no caminho para entrar em vigor com o novo sistema baseado em DLT em março-abril de 2021, e não mais no final de 2020, como planejado anteriormente.

A Digital Asset é um desenvolvedor DLT, criador da DAML e parceiro de substituição da tecnologia CHESS da ASX. DAML é a linguagem de programação de contrato inteligente de código aberto usada para criar aplicativos distribuídos.

CHESS é o sistema de computador usado pelo ASX para registrar participações e gerenciar a liquidação de transações de ações. Enquanto o ASX trabalha na implementação do DLT, ele continuará a manter e disponibilizar o CHESS.

O ASX já abriu o Ambiente de Desenvolvimento do Cliente (CDE) para seu novo sistema de compensação e liquidação de ações baseado em DLT para substituir o CHESS.

A abertura do CDE permitiu que os clientes explorassem a funcionalidade de compensação e liquidação do novo sistema. Uma vez conectados, os usuários podem projetar, criar e testar alterações no sistema, acessar algumas das novas funcionalidades de negócios e comparar várias opções de acesso.

A ASX iniciou um processo de avaliação de opções de substituição para a CHESS em 2015. Em janeiro de 2016, a ASX selecionou a Digital Asset como parceira de tecnologia para desenvolver, testar e demonstrar à ASX um protótipo funcional de uma plataforma de pós-negociação para o mercado de ações usando DLT .

Espera-se que o sistema baseado em DLT traga maiores benefícios, como melhor manutenção de registros, reconciliação reduzida, transações mais oportunas e dados de melhor qualidade.

Fonte: RTT News

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.