Autoridades de Seul lançam Equipe Blockchain para explorar o uso da tecnologia em serviços administrativos

A iniciativa visa integrar a tecnologia em aplicações relacionadas ao governo

De acordo com a Yonhap News, o governo da cidade de Seul, capital da Coréia do Sul, acaba de lançar a “Equipe de Governança Blockchain de Seul”, grupo focado em explorar os benefícios da tecnologia em serviços administrativos.

Segundo um relatório, cada membro da equipe é responsável por pesquisar o potencial de aplicações blockchain em diversos serviços relacionados ao governo, incluindo ainda o sistema de votação online. De forma específica, a equipe pretende abordar sistemas de gestão integrada, pagamento automático de subcontratos e verificação de documentos digitais.

De acordo com a Yonhap o grupo que compõe a iniciativa possui 100 funcionários com idades entre 21 e 77 anos, incluindo executivos, desenvolvedores, projetistas, estudantes e representantes corporativos.

Recentemente foi anunciado que a Coréia do Sul se manterá firme na decisão de proibir ICOs (ofertas iniciais de moedas) no mercado doméstico. De acordo com a Comissão de Serviços Financeiros, órgão regulador financeiro do país, as ICOs poderiam até estar fazendo uso de jurisdições estrangeiras, entretanto, estavam arrecadando fundos de cidadãos sul-coreanos.

Anteriormente a BxBfintech sul-coreana, lançou a primeira stablecoin atrelada ao won coreano. Chamada de KRWb, a criptomoeda está apoiada na moeda fiat na proporção 1:1, e seus tokens estão disponíveis para todo o mundo através de um serviço compatível com ERC-20.

FONTE: COINTELEGRAPH