Banco de Compensações Internacionais estabelece interessante vínculo entre o valor das criptomoedas e notícias sobre regulamentação

Estudo se baseou em pesquisa do cenário das criptomoedas nos últimos 3 anos

Em relatório publicado no dia 23 de setembro o Banco de Compensações Internacionais (BIS) apontou um forte vínculo entre o valor do Bitcoin e outras criptomoedas com as notícias relacionadas à intervenções reguladoras.

A pesquisa por trás da indagação abrangeu eventos ocorridos desde o ano de 2015 até junho de 2018. Ao total foram identificados 151 eventos regulatórios, concentrados principalmente na China, Índia, Japão, Estados Unidos e Reino Unido.

Leia mais: ConsenSys começou a utilizar a rede Ethereum para fornecer eletricidade no Texas

De acordo com a pesquisa, os investimentos respondem de forma adversa à proibições e anúncios de não-reconhecimento  da criptografia. Entretanto, os ganhos do mercado ocorreram em resposta ao desdobramento de estruturas legais ao espaço criptográfico.

Outra situação apontada no relatório é o impacto negativo causado por anúncios de combate à lavagem de dinheiro e outros tipos de intervenção que limitam e regulam o uso da tecnologia.

Notícias alertando os riscos das criptomoedas ou anúncios de criptoativos emitidos por bancos aparentemente possuem efeitos insignificantes no valor da criptografia.

O relatório ainda destacou a segmentação dos mercados, devido às diferentes abordagens utilizadas em cada país.

Em síntese, após a pesquisa o banco se posicionou em defesa de uma coordenação entre os reguladores. Entretanto, sugeriu que sua ausência não deve impedir uma intervenção eficaz.

Leia mais: Walmart exige que seus fornecedores adotem blockchain até setembro de 2019

FONTE: COINTELEGRAPH