Banco do Japão: Criptomoedas de Bancos Centrais podem ter impacto negativo na economia

Membro do BOJ diz que moedas digitais emitidas por bancos são um risco à economia

Como relata a Reuters, o Vice-Presidente do Banco do Japão (BOJ), Masayoshi Amamiya, acredita que a emissão de criptomoedas por Bancos Centrais pode ferir gravemente a economia mundial.

De acordo com ele, caso as moedas digitais criadas pelos bancos substituam depósitos privados, os canais de crédito dos bancos comerciais serão “corroídos”, resultando em um grande impacto negativo na economia. Amamiya ainda negou a veracidade da ideia de que moedas digitais podem aumentar a eficácia da política de taxas dos bancos centrais.

WeBitcoin: Banco do Japão: Criptomoedas de Bancos Centrais podem ter impacto negativo na economia

Segundo ele, se os Bancos Centrais emitirem criptomoedas e aplicarem taxas negativas sobre elas, as famílias e as empresas manterão o dinheiro para evitar serem cobradas por mantê-las.

“Para superar o limite inferior nominal de zero, os bancos centrais precisariam eliminar o caixa (…). Eliminar o dinheiro tornaria inconveniente a infra-estrutura de assentamentos para o público, caso contrário, o Banco Central faria isso “, afirmou.

Amamiya declarou ainda que o Banco do Japão não possui planos para emitir moedas digitais no momento, citando a incerteza do impacto que a iniciativa resultaria em bancos comerciais.

Falando ainda sobre a Libra, criptomoeda do Facebook, Masayoshi disse que o ativo precisa entrar em conformidade com as normas de gerenciamento de risco e antilavagem de dinheiro, posicionamento compartilhado pelo Presidente do Banco Central Francês, François Galhau.

Anteriormente o WeBitcoin noticiou que Agustín Carstens, gerente geral da Banco de Compensações Internacionais (BIS),  declarou que há a possibilidade dos bancos centrais emitirem as próprias moedas digitais mais cedo do que o esperado, destacando que o BIS apoia a criação de versões digitais de moedas estatais.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli