Binance atualiza comunidade sobre o hack e anuncia novas medidas de segurança

Após incidente, Binance irá renovar medidas de segurança

Na última terça-feira (7) uma das maiores exchanges do mercado chocou a comunidade ao revelar que havia sofrido um hack que resultou no desvio de mais de 7 mil Bitcoins. Aparentemente a quantia retirada pertencia à própria Binance, que se comprometeu a cobrir o rombo com o fundo SAFU.

Buscando prevenir outro ataque, recentemente o CEO da exchange anunciou que irá “renovar significativamente” algumas de suas medidas, procedimentos e práticas de segurança. De acordo com o comunicado, para retomar os serviços de depósito e saque o mais rápido possível, algumas alterações serão realizadas nesta semana e outras serão adicionadas posteriormente.

Changpeng Zhao (CZ) afirmou que está realizando mudanças significativas em API, autenticação de dois fatores (2FA) e validação de saques, que aparentemente foram as áreas exploradas pelos hackers.

“Estamos aprimorando nosso gerenciamento de risco, análise de comportamento do usuário, e procedimentos KYC. Estamos trabalhando em formas mais inovadoras de combater o phishing. Também temos várias medidas de segurança não visíveis sendo implementadas” continuou.

O comunicado acrescenta que em breve será implantado suporte para dispositivos de hardware, como o YubiKey. De acordo com Zhao, será realizado um evento e a distribuição de 1000 unidades de YubiKey assim que o recurso for integrado.

O CEO afirma que não entrou em grandes detalhes sobre as mudanças pois assim como os investidores, os hackers podem ler cada mensagem publicada e assistir a cada AMA (ask-me-anything) realizado pela Binance.

“Compartilhar muitos detalhes sobre a segurança enfraquece nossa estratégia”

Falando sobre o hack, CZ confirma que todos os 7 mil Bitcoins foram roubados em uma única transação, acrescentando que há muitos especialistas monitorando as carteiras da Binance a todo momento.

“Ainda estamos investigando todas as outras áreas do sistema para garantir que nada seja deixado de lado. Além disso, estamos trabalhando com uma dúzia de equipes de especialistas em segurança líderes do setor para ajudar a melhorar nossa segurança e também rastrear os hackers.”

Como noticiado pelo WeBitcoin, Zhao agora conta com o apoio do famoso programador John McAfee, que se ofereceu para ajudar a descobrir mais detalhes sobre o incidente e possivelmente identificar os hackers.

A plataforma acrescenta que também está recebendo ajuda de diversas empresas de análise de segurança e blockchain para rastrear o fundo roubado, trabalhando também com o apoio de várias exchanges e provedores de serviços para congelar os ativos.

Recentemente foi noticiado que o hack impactou a Binance Coin (BNB), ativo emitido pela plataforma. O incidente fez com que a moeda, que antes possuía o valor de US$24,25, atingisse o menor preço desde meados de abril. Com uma queda próxima a 20%, no momento da escrita o ativo é negociado a US$19,62 de acordo com o CoinMarketCap.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli