Bitcoin dispara subindo mais de 15% no dia

Bitcoin coroa o mês de abril com uma forte alta de mais de 15% no dia

O mês de abril está sendo extremamente positivo para os amantes do Bitcoin. Com uma alta de 15% no dia, o BTC disparou, deixando para trás a desconfiança criada durante o inconstante mês de março. Como é de costume, o mercado cripto reagiu majoritariamente (muito) bem a isso, com diversas moedas apresentando ganhos maciços.

O pico de preço diário do BTC no dia de hoje foi registrado próximo das 18h (horário de Brasília), enquanto lutava para chegar aos US$ 9.000.

O Bitcoin iniciou o mês de abril cotado à aproximadamente US$ 6.400, cercado de preocupação e desconfiança após despencar para valores abaixo de US$ 4.000 em 12 de março. Entretanto, não demorou muito para o BTC mostrar a que veio, escalando US$ 1.000 em uma semana, quando superou a marca de US$ 7400 no dia 7 de abril.

Dando sequência ao forte mês de alta, o Bitcoin iniciou o dia de hoje (29) sendo negociado por aproximadamente US$ 7.750, o que por si só já representava ganhos de quase 18% no mês. E por sinal, quem ficou satisfeito com a recuperação do mês e liquidou suas posições compradas deixou de ganhar com um lindo movimento de alta, que chegou a atingir 15% nas últimas 24 horas, recuando um pouco logo em seguida.

Gráfico de 4h do Bitcoin em abril – Fonte: TradingView

 

Altcoins sobem junto com o BTC

Surfando na alta do BTC tivemos um mercado de altcoins majoritariamente no verde. Das 20 primeiras moedas em capitalização de mercado listadas no ranking do CoinMarketCap, 19 estavam positivas no dia (apenas o Tether apresentava leve queda).

Ainda dentro do grupo mencionado, a Cardano surgiu como a maior vencedora da semana, com ganhos de mais de 40% nos últimos 7 dias. O ranking ainda conta com 7 moedas apresentando ganhos de mais de 8% nas últimas 24 horas, o que mostra quão forte foi o impulso do Bitcoin para o mercado de altcoins.

Imagem por: CoinMarketCap

 

Imagem de capa por: BitDegree

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.