Bitcoin ou Ethereum?

Bitcoin sem dúvidas é o criptoativo dominante, mas recentemente o token nativo do Ethereum, o éter, surgiu como mais do que apenas um claro número dois.

Embora as duas criptomoedas sejam muito diferentes em termos de estrutura e casos de uso, ambas são as principais opções para investidores em criptomoedas de longo prazo.

Alguns especialistas falaram sobre qual criptomoeda prefere ou acredita ser a melhor para ter nos próximos 10 anos e porque:

“O Bitcoin será tão transformador para o dinheiro quanto a Internet foi para a informação. Em meados de 2028, a capitalização de mercado do bitcoin ultrapassará a capitalização de mercado do ouro, demonstrando que é o melhor ativo de reserva de valor para um mundo digital em primeiro lugar. Mas não para na reserva de valor. Bitcoin é uma rede de liquidação monetária descentralizada e um ativo escasso digitalmente. Hoje, o Ethereum capacita a maioria das plataformas DeFi (finanças descentralizadas), mas em um futuro próximo, seremos capazes de construir plataformas DeFi em cima do Bitcoin graças às soluções da camada 2. Eventualmente, o Bitcoin se tornará o padrão global de valor e a camada de liquidação monetária do mundo. Por essas razões, coloquei a maior parte de meus ativos líquidos em Bitcoin, não em Ethereum. ” – Jason Yanowitz, cofundador da Blockworks.

Um pouco mais breve, o CEO da GMO-Z.com Trust Company, Ken Nakamura comentou:

“O Bitcoin está fortalecendo sua posição como reserva de valor e as narrativas em torno do BTC como“ proteção contra a potencial inflação ”e“ possível substituição do ouro ”estão se tornando mais claras. Com todas as grandes empresas entrando no espaço com várias instituições financeiras começando a manter o BTC em seus balanços, há mais vantagens e o preço será impulsionado principalmente pelo aumento da participação no ecossistema ” .

Fã de carteirinha do Bitcoin, Jamie Finn, presidente e cofundador da Securitize mostra que sua preocupação maior ainda é com a inflação:

“Bitcoin é a marca que todo mundo conhece e já provou seu poder de permanência. Ethereum é o novo garoto no bloco e desafiador. O ETH foi vendido como tendo aplicações práticas místicas, mas, na realidade, é ineficiente, luta para operar em escala e não é uma proteção contra a inflação ”.

Já o Diretor Executivo e Chefe de Investimentos Alternativos da Direxion, Ed Egilinsky comenta:

“Acho que o Bitcoin sempre terá algum nível de aceitação, sendo o carro-chefe da criptomoeda e uma reserva de valor percebida no espaço. No entanto, a tecnologia blockchain do Ethereum tendo mais aplicabilidade e funcionalidade (incluindo contratos inteligentes recentes para NFTs) torna-o potencialmente mais atraente em um jogo de longo prazo. Além disso, a atual disparidade de preço entre os dois pode fazer com que o Ethereum também pareça mais acessível para o investidor médio”.

Bitcoin ou Ethereum?

Ótimo ponto de vista da Megan Kaspar, diretora administrativa da Magnetic, um comentário técnico e de grande valia para aqueles que talvez ainda não tivessem pensado por esse lado.

“O reconhecimento da ETH pelos investidores institucionais como um ativo real e valioso é há muito esperado e antecipado. Eu prevejo que a tendência atual de aumento de preços da Ethereum ganhando mais impulso, levando a uma mudança no fluxo de capital para a Ethereum – conforme os investidores se tornam educados sobre o que é ETH e como a tecnologia vai moldar o futuro … Dados técnicos e fundamentos mostram que há mais tempo potencial de valorização de longo prazo para ETH do que para BTC … A maioria dos bancos, instituições e fundos de investimento determinou investimentos em tecnologias e indústrias limpas e ambientalmente sustentáveis. As preocupações sobre como e onde a maioria do bitcoin é extraído hoje podem impactar negativamente o preço dos ativos a longo prazo … As próximas atualizações de rede da Ethereum, EIP1559 e Prova de Aposta, fará da ETH um ativo deflacionário ao mesmo tempo em que reduzirá as taxas de gás e reduzirá o fornecimento total de Ethereum. Quando essas duas mudanças ocorrerem, elas poderiam empurrar a Ethereum além do valor de mercado de US$ 1T. Independentemente de as mudanças de rede da Ethereum iniciarem um superciclo ou não, o ativo, sem dúvida, tem 5X mais desenvolvedores, mais atividade na cadeia e casos de uso exponencialmente mais ativos do que qualquer outra blockchain ”.

Steve Ehrlich, CEO e fundador da corretora de criptoativos Voyager Digital, mostra total interesse em vestira a camisa do time da Ethereum nessa comparação entre os dois ativos.

“Eu acredito que a vantagem potencial do Ethereum tende a ser um pouco maior devido à sua utilidade, funcionalidade e ecossistema. Os clientes da Voyager, que possuem Bitcoin e Ethereum, mudaram suas alocações de criptomoedas nos últimos meses para aumentar suas participações na Ethereum, sobre as quais podem ganhar 5,25% de juros APR. Também estamos vendo nossos grandes investidores mais confortáveis em assumir o perfil de risco e recompensa da Ethereum. O blockchain Ethereum alimenta o ecossistema mais estabelecido para finanças descentralizadas, tokens de serviços públicos e NFTs, todos os quais estão ganhando força. O Ethereum também estará em breve passando por uma atualização que irá acelerar a velocidade das transações ETH, reduzir as taxas de transação e restringir seu fornecimento de circulação. ” – .

O mundo pode ser amplamente dividido em comerciantes e investidores. Os comerciantes se concentram nos movimentos de preços de curto prazo e nas oportunidades de arbitragem e, com razão, estão animados com os movimentos relativos do Bitcoin comparado a Ethereum agora. Os investidores se concentram em como será o futuro, quais são os ventos favoráveis que impulsionam os projetos e como o valor será capturado por alguns e perdido por outros. Para os investidores, AMBOS, o Bitcoin e o Ethereum precisam estar em seu portfólio agora … O Bitcoin tem a chance de permanecer o principal criptoativo do mundo, enquanto o Ethereum tem a chance de permanecer a principal plataforma de desenvolvimento de software distribuído do mundo. Ambas as posições de liderança capturariam trilhões de dólares de valor em dez anos.

Foto de Neidson Soares
Foto de Neidson Soares O autor:

Conheceu esse universo dos criptoativos em 2016 e desde 2017 vem intensificando a busca por conhecimentos na área. Hoje trabalha juntamente com sua esposa no criptomercado de forma profissional. Bacharelando em Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital.

neidson8