Bitcoin ou ouro? Mike Novogratz revela seu ativo favorito

Mike Novogratz, entusiasta do Bitcoin, diz que ama o ouro, mas ainda assim prefere sua versão digital.

Em um tweet recente, Mike Novogratz, CEO do banco de criptomoedas Galaxy Digital, revelou que prefere Bitcoin sobre o ouro.

Novogratz brincou que o Bank of America (BofA) havia roubado seu suprimento de ouro, enquanto mencionava o fato de que cada grama de metal amarelo no mundo formaria um cubo com apenas 21 metros de profundidade e largura.

“Alguém roubou minha linha 😂😂😉amo o ouro. Mas não tanto quanto $ btc”

 

“Se cada ouro fosse colocado um ao lado do outro, o cubo resultante de ouro puro mediria apenas 21 metros de cada lado: BofA”

Notavelmente, o Bitcoin, que é amplamente considerado a versão digital do ouro, terá apenas 21 milhões de moedas em circulação.

Ouro do Bank of America

O Bank of America lançou recentemente a edição deste ano de sua visão geral da indústria do ouro, que incluiu a cotação publicada pela Zero Hedge.

Em sua nova cartilha, o BofA publica alguns fatos fascinantes sobre à origem, características físicas e muitos outros detalhes sobre o ouro.

O boato mais fascinante mencionado pelo BofA é que estima-se que os oceanos contenham mais de 10 bilhões de toneladas de ouro.

Bitcoin deixa ouro para trás

O ouro teve um ano notável, apesar do crash de março. Agora, ele subiu mais de 17%, aproximando-se da máxima histórica de US$ 1.920 que foi estabelecida em setembro de 2011.

Como pode ser visto no tweet acima, Novogratz destacou o ouro e o Bitcoin como seus ativos favoritos, mas este último é claramente o seu ativo favorito.

Atualmente, o Bitcoin está valorizando cerca de 53% em 2020, e está facilmente superando o ouro. Segundo Novogratz a criptomoeda líder de mercado ainda deve superar a marca de US$ 20.000 esse ano.

Fonte: U.Today

 

Foto de Bruno Lugarini
Foto de Bruno Lugarini O autor:

Estudante de Sistema da Informação, técnico de informática, apaixonado por tecnologia, entusiasta das criptomoedas e Nerd.