Blockchain e criptomoedas: O que esperar do futuro presidente Jair Bolsonaro

Como o novo governo irá encarar a tecnologia

Ontem, 28 de outubro de 2018, Jair Messias Bolsonaro foi eleito Presidente da República com mais de 55% dos votos válidos.

Após anos de um cenário conturbado, muitos apostam nas propostas do ex-militar para trazer mudanças positivas ao país.

Em relação ao blockchain e às criptomoedas não seria diferente.

Por assumir uma postura mais liberal, a esperança dos investidores é que o governo aceite e se adapte ao setor.

Apesar de não possuir muito conhecimento no tocante à economia, Jair Bolsonaro aponta Paulo Guedes, futuro Ministro da Fazenda, como o responsável por tirar o país da crise.

WeBitcoin: Blockchain e criptomoedas: O que esperar do futuro presidente Jair Bolsonaro

Ph.D em economia pela Universidade de Chicago, Guedes atua no mercado financeiro e foi um dos responsáveis pela criação do Banco Pactual, BR Investimentos e Ibmec, instituição que oferece cursos de graduação em administração e economia.

Conhecido pela política de privatizações, Guedes é adepto do liberalismo econômico. Atualmente, no mercado financeiro, poucas tecnologias representam a privatização e o liberalismo tão bem quanto as criptomoedas.

Apesar de não haverem registros específicos tanto de Bolsonaro quanto de Paulo Guedes sobre o assunto, a ideia de um ativo descentralizado sem interferência governamental se encaixa perfeitamente aos moldes do novo governo.

Quanto a tecnologia blockchain, o conceito de transparência e novamente o de descentralização podem auxiliar na construção de um novo e melhor sistema político, uma das metas de Bolsonaro.

Eduardo Bolsonaro e as criptomoedas

O Deputado Federal pelo estado de São Paulo, Eduardo Bolsonaro, é simpatizante declarado das criptomoedas.

“É uma tendência mundial e os próprios bancos já estão começando a negociar os Bitcoins”

Em março, Eduardo declarou nunca ter conversado sobre o assunto com o pai, Jair Bolsonaro. Entretanto, muitos investidores acreditam que o assunto deverá ser abordado em breve, se já não foi neste “meio tempo”.

BITCOIN

– Biticoin .- Utilize nosso canal de comunicação.

Posted by Eduardo Bolsonaro on Monday, March 26, 2018

 

Este poderá ser um grande passo para o país, que atualmente é palco de disputas judiciais entre bancos e startups.

Na última semana, o WeBitcoin noticiou um comunicado realizado supostamente pela Cooperativa Sicredi “alertando” a população sobre os riscos das criptomoedas.

A Cooperativa, assim como o Banco Bradesco, Itaú, Banco Inter, entre outros, está sendo investigada pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (CADE) pelo cancelamento de contas relacionadas a criptoativos.

Leia mais: Comissão de Valores Mobiliários brasileira (CVM) autoriza investimentos “indiretos” em criptomoedas

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli