CEO da Kaspersky: O mundo ainda não está pronto para as criptomoedas

O empresário acredita que o mundo deve estar unificado para abraçar o setor

Durante uma entrevista o CEO da Kaspersky, grande empresa de cibersegurança, afirmou que “criptomoedas são uma ótima ideia, mas o mundo ainda não está pronto elas.”

De acordo com Eugene Kaspersky, “talvez daqui a 100 anos” o mundo esteja unido sob os cuidados de um único governo que fará uso de uma única criptomoeda. O CEO afirma que o mundo deve estar unificado se quisermos fazer uso de moedas encriptadas.

WeBitcoin: CEO da Kaspersky afirma que o mundo ainda não está pronto para as criptomoedas

Eugene aponta também que no futuro as moedas digitais terão pouca concorrência em casos de uso.

“Outras criptomoedas podem estar disponíveis, mas em uma escala global uma criptomoeda será unificada”

Kaspersky também afirmou acreditar que as criptomoedas atualmente em uso (Bitcoin, Ethereum, etc), não irão substituir a sistema financeiro vigente.

“Algumas das ideias e técnicas nas quais essas (criptomoedas) se baseiam podem ser utilizadas em moedas futuras com algumas modificações, aproveitando a tecnologia blockchain.”

O CEO reafirmou na entrevista o mesmo posicionamento expressado em 2015, quando declarou que “criptomoedas eram uma ótima invenção” mas o mundo não estava pronto geopolicamente.

Jack Dorsey, CEO do Twitter, também acredita que futuramente haverá uma única moeda digital. Entretanto, ao contrário de Kaspersky, Dorsey afirma que será o Bitcoin.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli