Comitê de políticas tributárias japonês quer simplificar impostos sobre criptomoedas

Medidas foram discutidas para criar um ecossistema menos rigoroso

De acordo com o Sankei News, neste quarta-feira (17 de outubro) um comitê de política tributária japonês realizou um debate visando simplificar os impostos sobre criptomoedas no país.

Atualmente, o Japão possui um complexo regime de impostos que, de acordo com as autoridades do comitê, deveriam ser ajustados para estimular o uso de moedas digitais.

“O ecossistema deve ser ajustado para que a declaração de impostos possa ser simplificada”, declararam.

Além de complexas, as obrigações tributárias japonesas são muito rigorosas. Aparentemente, os consumidores são “obrigados” a apresentar declarações de impostos sobre todo e qualquer ganho anual que seja superior a 200.000 ienes (US$1780).

Leia mais: Empresa canadense desenvolverá plataforma de suprimentos baseada em Blockchain para indústria da maconha

Recentemente, as autoridades americanas declararam que o número de consumidores que registram o lucro de negociações envolvendo criptomoedas é mínimo, ao passo que o índice de indivíduos que realiza a atividade corretamente é provavelmente ainda menor.

Chegando a tais conclusões, os EUA desenvolveram ferramentas dedicadas a auxiliar investidores a apresentar declarações de impostos especificamente voltadas à autoridade fiscal americana.

O Japão, entretanto, não possui ferramenta similar de fácil acesso, ainda.

Futuramente, de acordo com as autoridades, o regime simplificado também deverá garantir o fácil cálculo de posses de criptomoedas relacionadas à impostos sobre heranças e doações.

Leia mais: Coinsxpress anuncia possível “restart” em seu projeto

FONTE: COINTELEGRAPH