Como começar a usar NFTs em sua empresa

Os NFTs podem estar flutuando desde 2015, mas só ganharam grande popularidade em 2021. Alguns NFTs foram vendidos por milhões de dólares

Como começar a usar NFTs em sua empresa

NFTs são ativos digitais que existem na blockchain. Cada NFT é uma propriedade única que não pode ser trocada por outra. É por isso que eles são “não fungíveis“. Como esses tokens têm uma assinatura digital, você sempre pode provar a propriedade e a validade.

Os NFTs são criados, “cunhados” e armazenados em uma blockchain. A maioria desses tokens foram cunhados na blockchain Ethereum nos primeiros dias, embora em outras blockchains já é possível também.

No início, os tokens eram usados ​​por artistas que queriam controlar o compartilhamento e a distribuição de arte digital. Artistas como Beeple e FEWOCiOUS ganharam milhões vendendo obras de arte como NFTs.

No entanto, as marcas estão rapidamente aderindo à tendência e criando NFTs também – mas por razões diferentes. A maioria desses tokens de marca contam com as seguintes qualidades desses ativos digitais:

São um meio de autoexpressão. Possuir obras de arte, imagens, músicas ou roupas, imóveis virtuais exclusivos e saber que não podem ser copiados proporciona às pessoas um senso de individualidade.

Prosperam na escassez. Enquanto alguém pode comprar um NFT Gucci para se expressar, outro o compra na esperança de um aumento futuro no valor do item. Dado que raramente são produzidos em massa, eles representam um investimento razoável.

Alimentam o metaverso. Aquele conceito chique de “metaverso” que você tem ouvido ultimamente? Já está aqui. Mundos virtuais como Decentraland permitem que os usuários comprem casas virtuais e roupas e construam vidas inteiras online.

À medida que o metaverso continua crescendo, mais pessoas gastarão tempo nesses mundos virtuais e precisarão de ativos virtuais, como esses tokens, que podem ser usados ​​lá.

Como começar a usar NFTs para o seu negócio

Com os produtos virtuais ganhando destaque, é uma boa ideia criar um para os clientes e, melhor ainda, vinculá-lo a um produto físico.

Por exemplo, uma empresa de móveis pode pedir aos compradores que comprem um sofá e uma versão NFT. A Nike está fazendo algo semelhante com os CryptoKicks, em que os clientes recebem um par de tênis digital após comprar o produto real.

O mecanismo de contrato inteligente pode permitir que os criadores de NFT se beneficiem de futuras vendas de itens. Se desejar, uma empresa pode reivindicar uma porcentagem dos lucros futuros e programar a funcionalidade no NFT.

No Metaverso, as pessoas podem comprar imóveis virtuais e vestir seus avatares com roupas elegantes. Empresas experientes podem aproveitar e comissionar itens NFT de marca para vendê-los para uso em mundos virtuais como Decentraland.

Tênis de marca, roupas, dispositivos, as possibilidades de NFTs para negócios são infinitas. O proprietário de uma empresa só precisa cunhar uma versão NFT de um produto da vida real, e vendê-la para pessoas por meio da Rarible, OpenSea ou qualquer mercado NFT. Na verdade, os tokens como produtos virtuais estão entre os melhores usos comerciais para NFTs.

Reduzir a falsificação de produtos

Há anos que as empresas tentam, sem sucesso, combater as vendas de produtos falsificados. No entanto, uma nova pesquisa mostra que os NFTs podem ajudar a virar a maré contra os falsificadores.

Aplicado ao mundo do comércio, um NFT vinculado a um produto físico pode ajudar a limitar os casos de falsificação. Os clientes podem escanear o código de barras NFT em um item para confirmar sua originalidade.

Isso já está acontecendo na indústria de bens de luxo, com a Ackerwines, um enólogo especializado, vendendo vinhos com NFTs associados.

Essa tecnologia também pode proteger outros itens que as empresas preferem que não sejam falsificados. Isso inclui ingressos para eventos, cupons de desconto, certificados de propriedade, licenças e muito mais.

A tecnologia ajuda a melhorar a gestão da cadeia de suprimentos

Um dos melhores casos de uso de negócios para NFTs é no gerenciamento da cadeia de suprimentos. A estampagem de tags habilitadas para NFT em commodities físicas, torna mais fácil para as empresas rastrear itens em toda a cadeia de suprimentos.

Cada NFT pode ser atualizado com informações relevantes em diferentes pontos do processo de produção.

Por exemplo, NFTs vinculados ao produto na blockchain podem conter dados sobre a origem das matérias-primas e técnicas usadas na produção. As empresas podem detectar rapidamente se um produto com defeito é introduzido na cadeia de abastecimento.

Como as informações da blockchain são visíveis para todos, os clientes podem confirmar os detalhes de fabricação de um produto. Esta é uma excelente forma de garantir aos compradores a qualidade e autenticidade dos produtos.

Aprender como usar NFTs para o seu negócio pode ajudar a melhorar o reconhecimento e a lealdade da marca, criar experiências únicas para os clientes, prevenir a pirataria e melhorar o rastreamento da cadeia de suprimentos. Com o enorme comércio envolvido, toda empresa inteligente faria bem em incorporar NFTs em seu modelo de negócios.

Foto de Neidson Soares
Foto de Neidson Soares O autor:

Conheceu esse universo dos criptoativos em 2016 e desde 2017 vem intensificando a busca por conhecimentos na área. Hoje trabalha juntamente com sua esposa no criptomercado de forma profissional. Bacharelando em Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital.

neidson8