Companhia de investimento em criptomoedas israelense lança fundos voltados a clientes institucionais

A empresa pretende lançar outro fundo focado em ICO até o final do ano

De acordo com a Bloomberg, a primeira companhia de criptomoedas dedicada a investimentos institucionais de Israel lançou dois fundos de criptoativos neste mês.

A companhia supostamente pretende levantar US$50 milhões em ativos sob gestão (AUM) no final do ano.

Atualmente o mercado conta com quase 400 fundos focados em cripto e até US$10 bilhões em AUM.

De acordo com Eli Mizroch, CEO da Silver Castle, os fundos se concentram no desenvolvimento de uma infraestrutura de alta segurança para as instituições expostas ao mercado de criptoativos.

Ele destacou ainda a importância do blockchain no país, visto que Israel registrou mais de 200% em aumento nos últimos 3 anos no número de empresas que utilizam a tecnologia.

No âmbito global, Eli aponta o novo negócio de criptomoedas da grande empresa de investimentos Fidelity como um “divisor de águas” para serviços de investimento internacional em cripto.

O primeiro dos dois fundos da Silver Castle aparentemente de baseia em um sistema de negociação algorítmica que mescla estratégias de curto e longo prazo para as 5 maiores moedas por capitalização de mercado.

Apesar do bear market, Mizroch aponta que a utilização interna do fundo alcançou um alto retorno.

O segundo fundo é totalmente automatizado, baseado em uma cesta com ponderação algorítmica das 10 principais criptomoedas por valor de mercado.

A empresa também planeja lançar um fundo baseado em tokens focado em ICOs até o final deste ano.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli