Condado de Washington propõe aumento no custo da energia utilizada na mineração de criptomoedas

A proposta foi recebida com descontentamento por membros da comunidade de cripto

De acordo com uma estação de rádio local, o Distrito de Utilidade Pública de Condado de Chelan (DUP) de Washington propôs alterar o preço da eletricidade utilizada para a mineração de criptomoedas.

“O que a nova estrutura de tarifas faz traz uma consideração de mercado em relação ao preço da energia, pois teremos que comprar energia no mercado para atender à carga variável associada às criptomoedas”, disse Lindsay Mohns, Consultora de Taxa de Serviços ao Consumidor.

De acordo com Kimberlee Craig, Oficial de Informação Pública, o distroto está abordando a situação de uma forma que capta o custo e protege o investimento. Por “investimentos”, Craig se refere às despesas fixas do DUP.

Assim que a nova proposta de preços foi revelada, diversos membros da comunidade de cripto expressaram descontentamento.

Em abril, o distrito informou a captura de mineradoras de criptomoedas que operavam sem autorização. O DUP ordenou ainda que os funcionários impusessem uma moratória sob a mineração.

O condado não é o único local avesso à mineração de cripto em Washington. Aparentemente, a cidade de Ephrata recentemente impôs uma proibição de um ano em novas operações relacionadas a moedas digitais.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli