Corporação contrária às criptomoedas adota Blockchain para integrar sistema de comunicação em Israel

A tecnologia será implementada em diversos setores da agência

A ISA, Autoridade de Valores Imobiliários de Israel, incorporou o blockchain ao seu sistema de comunicação interna com o objetivo de garantir maior proteção online.

De acordo com a mídia, foi implementada a tecnologia de contabilidade distribuída (DLT) na plataforma de mensagens da corporação, que pretende expandir a tecnologia em diversos setores.

Leia mais: Imigrantes são vítimas de golpe envolvendo Bitcoin na Austrália

blockchain foi implementado no sistema “Yael”, que regula o envio de informações para entidades e empresas.

De acordo com Natan Hershkovitz, diretor do Departamento de Sistemas de Informação da ISA, a agência escolheu a tecnologia das criptomoedas após testemunhar a revolução na indústria financeira mundial.

” O blockchain soma outra camada para garantir credibilidade às informações transmitidas aos órgãos supervisionados. A tecnologia verifica a autenticidade das informações, evita fraudes e impede edições ou exclusões. Além disso, o sistema impede a opção de negar o recebimento de uma mensagem pela agência”, declarou.

A corporação pretende utilizar a tecnologia em duas outras redes internas.

Primeiramente, auxiliará no sistema de votação online, permitindo que investidores ao redor do mundo participem das reuniões de negócios. Após o feito, a ISA planeja implementar o DLT em uma plataforma reguladora denominada “Magna”, que registra relatórios das entidades supervisionadas.

Mesmo adotando a tecnologia, a atitude não significa que a ISA apoie as criptomoedas. No início deste ano, a agência baniu empresas que investem, possuem ou mineram criptoativos da listagem oficial da Bolsa de valores de Tel Aviv.

De acordo com o professor Samuel Hause, representante da ISA, há uma grande diferença entre criptomoedas e  sua tecnologia subjacente. Declarou ainda que o “blockchain veio para ficar”.

Leia mais: Departamento de Justiça americano acusa autoridades da Inteligência russa por esquema de hacking envolvendo Bitcoin

FONTE: CRYPTOVEST