Criptomoedas prejudicam o dólar diz Donald Trump

Donald Trump definitivamente não é um fã de criptomoedas. Ele reiterou isso em uma entrevista ao Yahoo.

Na entrevista com Adam Shapiro , em relação aos acontecimentos na China, que está lançando sua própria moeda digital e baniu as criptomoedas, Donald Trump comentou:

“Bem, eu acho que ele quer fazer sua própria moeda, seja criptografada ou não. E uma das razões pelas quais devemos ter muito cuidado é que temos uma moeda agora, o dólar. E sou um grande fã do dólar. Sou um grande fã da nossa moeda. E não quero que outras moedas saiam prejudicando ou degradando o dólar de forma alguma ”.

Segundo o ex-presidente dos Estados Unidos, é óbvio que a China não apoiará o dólar e é fundamental que os EUA continuem defendendo sua moeda, a mais forte do mundo:

“E se você olhar para um sistema monetário baseado no dólar, se você começar a perder credibilidade, de repente você vai perder aquele sistema monetário forte. E temos que ter muito cuidado com isso ”.

Donald Trump vs Bitcoin

Esta não é a primeira vez que o ex-presidente dos EUA falou sobre Bitcoin e criptomoedas. Ainda no mês passado, em outra entrevista, ele havia chamado as criptomoedas de desastre pelos mesmos motivos.

O ex-presidente dos EUA tem o destino do dólar dos EUA no coração. É por isso que ele é particularmente hostil a qualquer tipo de moeda que possa colocar em apuros a moeda nacional dos Estados Unidos. Em sua opinião, outras moedas digitais correm o risco de minar a força do dólar.

O lançamento da moeda digital da China faz parte desse cenário. Pequim está pronta para lançar uma versão digital do yuan. Nos planos do presidente Xi Jinping, ele poderia estar pronto no início do ano que vem, bem a tempo das Olimpíadas de Pequim.

O Yuan Digital assusta os Estados Unidos, pois seria a primeira moeda digital com potencialmente um bilhão de usuários. Certamente pode desafiar o dólar.

Também é provável que a China tenha banido o comércio de criptomoedas para tornar o Yuan Digital mais forte.

Uma atitude que, sem dúvida, poderia ser favorecida por Trump: da mesma forma que a China está fortalecendo sua moeda local ao colocá-la ao lado de sua versão digital, o mesmo deve acontecer com os EUA, ao se opor aos concorrentes do dólar.

O dólar digital

De fato, os EUA já estão trabalhando no dólar digital, para não ficar para trás. A novidade é que em breve serão lançados pelo menos dois relatórios:

Um do Fed, sobre os riscos e oportunidades de um CBDC, e um mais técnico do MIT.

Quando a China vier lançar o dólar digital, os outros países não terão escolha: terão que fazer o mesmo para não ficar para trás. Os Estados Unidos terão de fazer isso rapidamente para não correr o risco de ver um dólar mais fraco.

 

Fonte: Cryptonomist

Foto de Neidson Soares
Foto de Neidson Soares O autor:

Conheceu esse universo dos criptoativos em 2016 e desde 2017 vem intensificando a busca por conhecimentos na área. Hoje trabalha juntamente com sua esposa no criptomercado de forma profissional. Bacharelando em Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital.

neidson8