Dois terços dos traders querem mais criptomoedas

Em relatório emitido pelo traider da exchange na Suíça, SIX sugere uma demanda crescente entre os traders por criptomoedas e bitcoin.

Os traders do mundo dos mercados tradicionais estão demonstrando um interesse crescente em ativos digitais, como as criptomoedas, de acordo com um novo estudo realizado pela Swiss Stock Exchange (SIX).

Entre os traders que participaram da pesquisa, dois terços disseram que seus clientes têm um interesse crescente em moedas digitais como Bitcoin (BTC) e outras criptomoedas. Além disso, cerca de 80% disseram acreditar na demanda baseada em criptomoedas. 

Os veículos de investimentos aumentarão no futuro, e esse ativos digitais provavelmente “simplificarão o processo de negociação e liquidação” e “reduzirão os custos gerais de negociação”. 

Em comunicado, o diretor-executivo da SIX, Tony Shaw, destacou que a exchange fez “progressos significativos em ativos digitais” nos últimos tempos. 

Por exemplo, apenas no mês passado, a exchange Suíça adicionou a Metaverse (ETP) à sua programação. O produto permite que os clientes da exchange invistam em Bitcoin sem realmente manter a moeda em sua carteira digital, mitigando parte do risco envolvido.  

“Estamos fazendo a história inovar neste espaço e esperamos que muitos de nossos clientes também consigam acessar e oferecer produtos e serviços exclusivos” disse Tony Shaw. 

E os clientes da SIX demonstraram interesse em tecnologias inovadoras além das criptomoedas. De acordo com os resultados da pesquisa, os traders acreditam que a inteligência artificial (IA) remodelará a maneira como as negociações são feitas e aumentará as oportunidades. Dois terços dos participantes do estudo acreditam que a IA reduzirá os  custos associados à exchange no futuro. 

“A inovação neste espaço será um fator-chave”, disse Shaw. “Atualmente, exchanges como a nossa estão analisando várias maneiras pelas quais a IA pode servir para beneficiar os clientes em toda a cadeia de valor”.

Imagem Mohamed por Pixabay.

Fonte: Decrypt

Foto de Mirian Romão
Foto de Mirian Romão O autor:

Graduada em Comunicação Social com ênfase em Jornalismo e Pós-Graduada em Comunicação em Redes Sociais.

mirian_romao