Emirados Árabes Unidos irão introduzir regulamentos para ICOs no próximo ano

“Não estamos preocupados com a volatilidade dos ativos”

De acordo com a SCA (Securities and Commodities Authority), regulamentos para ICOs serão introduzidos até o final de junho de 2019 nos Emirados Árabes Unidos (EAU).

A medida visa oferecer uma nova e mais segura opção de levantar capital por meio de crowfunding às empresas, com o auxílio do blockchain.

As ICOs são comumente utilizadas como fonte de capital para pequenas e médias empresas, por permitirem a emissão de tokens aos investidores.

Para desenvolver plataformas de negociação no próximo ano, a SCA se aliou à Abu Dhabi Securities Exchange e ao Dubai Financial Market.

“Nós assinamos acordos com escritórios de advocacia para desenvolver uma ‘caixa de areia’ de livros e normas para a emissão de ICOs. As exigências legais serão concluídas até o final do primeiro semestre de 2019 (…) então haverá adoção de tecnologia e desenvolvimento de infraestrutura ao lado das exchanges”, disse Obaid Al Zaabi, diretor executivo da SCA.

De acordo com Zaabi, a volatilidade dos ativos não é fonte de preocupação, visto que a autoridade focará na emissão, aproveitando a crescente demanda.

“Bitcoin, Ethereum e outros não são da nossa conta, Estamos mais preocupados com a emissão de criptomoedas e como trazê-las para o comércio em nossas exchanges. Há uma demanda (…) já recebemos alguns pedidos para a emissão de criptoativos e tokens”

Agora, segundo ele, a principal preocupação é a segurança dos ativos.

FONTE: ARABIAN BUSINESS

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli