Empresa lança ICO e dá golpe na Coreia do Sul

Apesar de avisos, o golpe atingiu mais de 2000 investidores, causando prejuízos milionários

Em julho deste ano a companhia Shinil Group declarou ter encontrado Dmitrii Donskoi, um navio russo que afundou século passado. De acordo com a empresa, havia ouro no navio, uma quantia avaliada em aproximadamente US$ 130 bilhões.

Webitcoin: Empresa lança ICO e dá golpe na Coreia do Sul

A notícia era muito suspeita, visto que o Instituto Coreano de Ciência e Tecnologia Oceânica alegou ter descoberto o navio em 2003.

Leia mais: Polícia russa confisca caixas eletrônicos de Bitcoin

O Shinil Group declarou que o Instituto havia cometido uma fraude, e ainda alegou possuir evidências da descoberta.

A prova consistia em um vídeo que o grupo chegou a publicar no Youtube. Aparentemente, o vídeo foi retirado do site, visto que o conteúdo não pode ser encontrado. As autoridades russas não chegaram a confirmar se realmente havia ouro no navio quando ele afundou.

Logo que declarou a descoberta, o Shinil Group lançou uma ICO para poder financiar a infraestrutura da operação, chegando a prometer uma parte do ouro aos interessados. Com aproximadamente 2600 investidores, a moeda denominada Shinil Gold Coin arrecadou cerca de US$50 milhões.

Investigações apontaram o golpe recentemente, e as perdas por enquanto são incalculáveis.

Leia mais: Sem usuários, Petro passa a ser visto como golpe do governo venezuelano

Ryu Seong-jin, antigo CEO do Shinil Group fugiu para o Vietnam, enquanto seguem investigações para identificar os responsáveis pelo golpe. O grupo era formado por canadenses, britânicos e sul-coreanos.

FONTES: CRYPTO DISRUPT e CRYPTOVEST