Empresa russa irá utilizar o Blockchain para aprimorar a logística dos portos

O novo sistema irá reduzir o tempo gasto com papelada

De acordo com a mídia local a Infotech Baltika, empresa russa de logística naval, irá desenvolver um sistema baseado na tecnologia blockchain para seus portos de operação. Para criar a solução, chamada Edge.Port, a empresa se aliou à Iconicstartup blockchain com sede em Moscou.

O novo sistema supostamente irá permitir que os participantes da atividade portuária realizem o armazenamento de toda a documentação necessária na rede blockchain. Aparentemente todos os serviços realizados no porto, incluindo o aluguel de embarcações e rebocadores, poderão ser solicitados e rastreados online diretamente no sistema, sem a necessidade de qualquer papelada.

De acordo com a Infotech Baltika, o sistema irá permitir que a empresa reduza o tempo gasto em operações portuárias de 4h para 25 minutos. Ainda mais, o uso da tecnologia poderá economizar até uma hora enquanto o navio está sendo descarregado.

Como resultado, a capacidade total de cada porto poderia aumentar de 3% a 5%.

A Infotech afirma operar em 14 portos em toda a Rússia e em diversos países europeus, incluindo Chipre e Itália. Com mais de 3 mil navios registrados operando anualmente, em 2017 a empresa foi eleita como a melhor transportadora de carga de São Petersburgo em termos de valor e bens processados, movendo mais de US$1,5 bilhões em mercadoria.

O blockchain está sendo amplamente utilizado na indústria marítima, tanto pelo setor de operação quanto por empresas de logística. Recentemente a Zim, maior empresa de transporte de cargas de Israel, utilizou a tecnologia para criar uma plataforma para todos os clientes em operações selecionadas, seguindo um projeto piloto bem sucedido.

Em agosto do último ano a IBM e a Maersk, grande empresa dinamarquesa de transporte e logística, lançaram uma solução de embarque global baseada na tecnologia. O projeto envolve 94 organizações e viu 154 milhões de eventos de embarque capturados no momento do lançamento.

FONTE: COINTELEGRAPH