Essas três criptomoedas ainda podem chegar a US$ 500 antes do final do ano

Procurando lucrar com criptomoedas que podem, quem sabe, buscar US$ 500? Então fica de olho nessas opções

No final de 2017 e no início de 2018 várias altcoins seguiram o Bitcoin na zona de preços de quatro dígitos. O desempenho do mercado de tais moedas não surpreendeu muito os esforços de suas respectivas equipes e o uso funcional que lhes confere uma avaliação significativa. Neste artigo, há três criptomoedas com boas chances de atingir US$ 500 até o final do ano.

Dash

A Dash é um ativo digital que usa soluções de pagamento descentralizadas para oferecer liberdade financeira a todos. Sua taxa de adoção na América Latina, especificamente na Venezuela, tem sido massiva, preparando boas bases para que o ativo suba para a lua. As principais métricas registraram um comportamento positivo no primeiro trimestre de 2020, melhor do que o Bitcoin e Bitcoin Cash.

As transações médias diárias registraram um crescimento maciço, dobrando para 17.000 no primeiro trimestre de 2019. Além disso, as carteiras móveis instaladas triplicaram para 101.000 no primeiro trimestre de 2020 em relação ao mesmo período do ano passado. A Flipside crypto classificou o projeto Dash com “A”, uma vez que os fundamentos do ativo registraram um crescimento de 4,17% e o valor de mercado subiu 7,87% desde o início do ano.

Houve um aumento de 562% nos dispositivos Android ativos usando a carteira Dash na Venezuela, fazendo com que o preço registrasse um pequeno crescimento em relação à baixa anual anterior. A Dash já foi negociada acima de US$ 500 e, a partir de suas estatísticas positivas, é provável que retorne a essa zona de preços.

————————————————————————————————————————————–

Compre Bitcoin na Coinext
Compre Bitcoin e outras criptomoedas na corretora mais segura do Brasil.
Cadastre-se e veja como é simples, acesse: coinext.com.br

————————————————————————————————————————————–

Ethereum

A Ethereum fornece funcionalidade de contrato inteligente e dApps com seu aplicativo descentralizado. Houve uma concorrência acirrada, já que Cardano e Tron procuram destronar a Ethereum como líder de contratos inteligentes. Contudo, a Ethereum está prestes a atualizar para a tão esperada Ethereum 2.0.

Curiosamente, seu preço parece estar lutando, mas a tendência subjacente e as métricas principais da cadeia estão estabelecendo recordes. O valor total bloqueado em DeFi aumentou mais de 300% desde o início do ano, registrando mais de US$ 3 bilhões.

O volume semanal de DEX também aumentou para US$ 500 milhões, com os usuários de DeFi subindo para 300.000. Quase tudo apresentou uma trajetória positiva para a Ethereum em 2020. O preço da ETH chegou a US$ 500 pela última vez em julho de 2018, mas os fundamentos do mercado sugerem que é altamente provável que o ativo atinja a zona de preços mais uma vez este ano.

Zcash

A Zcash, um ativo digital descentralizado e focado na privacidade que oferece opções para transações transparentes é outro ativo com boas chances de entrar na zona de preços de quatro dígitos. Durante a grave retração de mercado da Zcash em 2019, foi dito que as incertezas em torno do financiamento dos desenvolvedores da Zcash afetaram negativamente o crescimento do projeto. No entanto, a proposta de melhoria da Zcash foi aprovada com a comunidade concordando em fornecer apoio financiando o desenvolvimento do projeto.

Para o financiamento contínuo do projeto, a recompensa da mineração dos blocos será dividida entre as mineradoras e o “Fundo de Desenvolvimento”, que teve um bom impacto em seu preço até o momento. O desempenho da Zcash no primeiro trimestre de 2020 foi positivo, e espera-se que o ativo registre um movimento para o nível de preço de US$ 500, como fez no passado.

Fonte: ZyCrypto

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.