Estado americano de Wyoming introduz projeto de lei que classifica criptomoedas como dinheiro

O estado está criando um ecossistema amigável para o setor

De acordo com o site oficial da Assembléia Legislativa, o estado americano de Wyoming introduziu um projeto de lei que classifica criptomoedas em três classes: ativos digitais de consumidor, moedas virtuais e títulos digitais.

O documento aponta que os ativos se enquadram em tais categorias como propriedade pessoal intangível, tratando criptomoedas do mesmo modo que moedas fiat.

Proposto em 18 de janeiro, o projeto também concede aos bancos locais autorização para “oferecer serviços de custódia para criptoativos consistentes com esta seção, mediante notificação por escrito com sessenta (60) dias ao comissário”, além de permitir que sirvam como custodiantes qualificados de acordo com as normas da SEC.

Nos últimos tempos Wyoming observou muito avanço na legislação voltada a blockchain e cripto.

Em 16 de janeiro foi aprovado um projeto de lei que concede a corporações a permissão para emitir tokens blockchain que representam ações.

Ainda mais, recentemente o estado aprovou outros dois projetos de lei para promover um ecossistema favorável às criptomoedas e ao blockchain, além de ter demonstrado muito interesse em integrar o blockchain na administração do governo.

No final do ano passado, o condado de Teton anunciou uma aliança com a Overstock.com, com foco em registro de propriedades.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli