Estado de Ohio planeja investir US$300 milhões em startups Blockchain até 2021

O estado dá mais um passo na criação de um ecossistema “cripto friendly”

De acordo com o Cleveland.com, o estado americano de Ohio irá liberar US$300 milhões de sete fundos para investir em startups blockchain até 2021.

Durante uma conferência, Ray Leach, CEO da JumpStart, anunciou que os fundos inicialmente iriam liberar US$100 milhões para “startups em estágio inicial que se concentram na utilização da tecnologia blockchain para negócios ou governo”. Os outros US$2oo milhões seriam destinados a grupos blockchain que desenvolvem projetos de bem-estar social na região, as apelidadas “Opportunity Zones”.

Em paralelo, o fundo local FlashStarts decidiu contribuir com US$6 milhões no formato de um fundo pré-seed, também voltado para startups baseadas na tecnologia.

A iniciativa surge em meio a um contexto extremamente favorável ao setor. Como já noticiado pelo WeBitcoin, o estado de Ohio recentemente permitiu que empresas e indivíduos paguem seus impostos utilizando Bitcoin.

Os planos ainda não se concretizaram. Entretanto, o governo do estado se mostrou bastante entusiasmado com a perspectiva de aprimorar a região utilizando um ecossistema tecnológico inovador.

“Será disruptivo de certo modo, de um modo construtivo, que auxiliará na criação de eficiências”, disse Jon Husted, tenente-governador.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli