Ethereum 2.0: atualização recente aproxima a rede da troca de consenso

Pode ser que a atualização da rede seja a última recebida pela Beacon Chain, abrindo caminho para a próxima versão.

O Ethereum recebeu a atualização “Altair” em sua rede principal nesta manhã (27). Com isso, melhorias foram implementadas na Beacon Chain, cadeia de blocos que está sendo preparada para a tão aguardada atualização do Ethereum 2.0.

Está previsto para o ano que vem o lançamento do Ethereum 2.0. Contudo, após anos de atrasos, convém não semear muitas esperanças. Uma das principais mudanças do lançamento futuro será extinguir o modelo de mineração PoW (Proof-Of-Work) e substitui-lo pelo PoS (Proof-Of-Stake).

Além disso, a atualização “Altair” disponibilizou uma atualização para suporte a clientes de uso simplificado (light clients), como outras funcionalidades menores que visam aumentar o incentivo aos nodes executados em rede.

Segundo Lion, desenvolvedor core da próxima versão do Ethereum:

“A Beacon Chain do Ethereum sofreu fork com sucesso para Altair. Sem problemas e com grande participação(…). Uma nova era começa hoje.”

Preparando o terreno

A “Altair” é muito importante para a evolução do Ethereum, uma vez que serve de base para o recebimento da grande atualização que está por vir.

Grosso modo, as bases de código inseridas pelos desenvolvedores nesta atualização serão apuradas ao longo dos meses para a realização de ajustes.

A Beacon Chain é uma cadeia de prova de participação de rede, implementada em paralelo à cadeia Proof-Of-Work. Isso significa que, no atual momento, os usuários não são capazes de retirar as moedas por staking. A funcionalidade de retirada será implementada assim que o Ethereum 2.0 for implementado.

Foto de Rafael Motta
Foto de Rafael Motta O autor:

Jornalista, trader e entusiasta de tecnologia desde a mais tenra juventude. Foi editor-chefe da revista internacional 21CRYPTOS e fundador da Escola do Bitcoin, primeira iniciativa educacional 100% ao vivo para o mercado descentralizado. Foi palestrante na BlockCrypto Conference, em 2018.