Exchanges estão sofrendo strike com a bola de boliche chamada da TerraLuna e o inverno cripto

Exchanges
Algumas Exchanges estão sentindo o efeito do colapso da TerraLuna, e quem está sofrendo as consequências são os investidores

Algumas Exchanges estão sentindo o efeito do colapso da TerraLuna, e quem está sofrendo as consequências são os investidores

Várias notícias importantes chegaram ao mercado quando mais uma semana de inverno rigoroso das criptomoedas se aproximava do fim, fornecendo mais clareza sobre a posição de alguns dos principais players do setor.

Primeiro, o problemático fundo de hedge de criptomoedas da Three Arrows Capital (3AC) agora está buscando proteção contra credores nos EUA sob o Capítulo 15 do Código de Falências dos EUA, que permite que os devedores estrangeiros protejam os ativos dos EUA, segundo a Reuters. Conforme relatado pelo portal Webitcoin, um tribunal das Ilhas Virgens Britânicas ordenou a liquidação da 3AC no início desta semana.

Enquanto isso, o conturbado credor de criptomoedas BlockFi disse que assinou acordos definitivos, sujeitos à aprovação dos acionistas, com a Exchange de criptomoedas FTX dos EUA para:

  • Uma linha de crédito rotativo de USD 400 milhões subordinada a todos os fundos do cliente, e
  • Uma opção para adquirir BlockFi a um preço variável de até US$ 240 milhões com base em gatilhos de desempenho.

sd

Conforme disse Flori Marquez e Zac Prince, BlockFi co -fundadores:

Até o momento, não usamos esta linha de crédito e continuamos a operar todos os nossos produtos e serviços normalmente. Na verdade, aumentamos as taxas de juros, em vigor hoje, em todos os principais ativos.

Eles admitiram que, devido ao empréstimo ao 3AC, o credor teve perdas de US$ 80 milhões e “isso representa toda a extensão do impacto do 3AC no BlockFi”. Além disso, essas perdas “serão parte do(s) processo(s) de falência em andamento da 3AC”.

Enquanto isso, outra plataforma de criptomoeda que sofreu com o 3AC, a Voyager Digital, disse que está “temporariamente” suspendendo negociações, depósitos, saques e recompensas de fidelidade.

De acordo com Stephen Ehrlich, CEO da Voyager. disse:

Esta decisão nos dá tempo adicional para continuar explorando alternativas estratégicas com várias partes interessadas, preservando o valor da plataforma Voyager que construímos juntos. Forneceremos informações adicionais no momento apropriado.

Conforme relatado, a exposição da empresa ao 3AC consiste em BTC 15.250 (US$ 293 aproximadamente) e 350 milhões de USDC, enquanto eles também firmaram um contrato de linha de crédito multimilionário com a Alameda Ventures , uma empresa de negociação quantitativa e controladora da Exchange FTX.

A Exchange FTX tornou-se uma credora de último recurso para várias empresas de criptomoedas e, agora, seu CEO e cofundador Sam Bankman-Fried, disse que está aberto a explorar aquisições no setor de mineração de Bitcoin (BTC) e criptomoedas a seguir.

Quando pensamos na indústria de mineração, eles desempenham um pouco de papel na possível propagação do contágio, na medida em que há mineradores que garantiam empréstimos com suas plataformas de mineração. Pode surgir uma oportunidade realmente atraente para nós. Eu definitivamente não quero descartar essa possibilidade.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_