Farfetch unindo as gigantes marcas de Luxo com o mundo das criptomoedas

Farfetch

A plataforma Farfetch que reúne as principais marcas de luxo passará a aceitar criptomoedas como forma de pagamento

A Farfetch é a marca de moda premium é a mais recente a experimentar moedas digitais. Ainda este ano, o negócio de vestuário de luxo começará a receber pagamentos em Bitcoin em seu mercado.

O recurso de pagamento em criptomoeda será testado em butiques de luxo em toda a União Europeia antes de ser estendido aos Estados Unidos, Europa e Reino Unido.

Sete criptomoedas, incluindo Bitcoin, Ethereum e Binance Coin, estarão disponíveis no lançamento. O lançamento segue um teste bem-sucedido do novo recurso com a Browns, uma varejista de propriedade da Farfetch, e uma seleção de itens da Off-White.

Farfetch: um jogador de primeira linha em luxo

A receita da Farfetch atingiu US$ 1,7 bilhão em 2020, um aumento de 64% em relação a 2019. A empresa vem digitalizando gradualmente a indústria da moda, operando como distribuidora de marcas e fornecendo a elas recursos de comércio eletrônico de marca branca.

O conglomerado das marcas de luxo, a francesa LVMH Louis Vuitton SE controla 60% da Off-White. A empresa é operada pelo New Guards Group de Milão, que é uma subsidiária da Farfetch.

Para seus terminais de ponto de venda, a empresa de moda de luxo anglo-portuguesa se uniu à startup alemã de plataforma de criptomoedas Lunu.

A Farfetch afirmou que os terminais POS permitirão transações nas lojas que permitem aos usuários acessar suas carteiras de criptomoedas e fazer pagamentos digitalizando um código QR.

Como alternativa aos métodos de pagamento convencionais, os comerciantes em todo o mundo estão aceitando cada vez mais moeda digital como meio de pagamento.

Cerca de 85% dos empresários pesquisados ​​em um estudo recente acreditam que as criptomoedas como forma de pagamento seriam universais até 2027.

Marcas de moda gravitando em direção às criptomoedas

Sobre o teste da marca, o fundador, presidente e CEO da Farfetch, José Neves, afirmou que:

Este foi um passo importante para testar e aprender, e estamos entusiasmados em compartilhar nossa experiência técnica e de serviço com a comunidade.

Nos últimos meses, as empresas de artigos de luxo e moda gravitaram em torno das criptomoedas. Casas de leilões de luxo, como Christie’s e Sotheby’s, aceitam criptoativos como pagamento.

Este ano, a marca luxuosas famosa Gucci e Prada comunicaram o mercado que estariam aceitando criptomoedas como pagamento.

A Chipotle Mexican Grill, uma cadeia de restaurantes líder, também começou a aceitar pagamentos em criptomoeda.

Conforme disse Neves:

Como uma empresa de plataforma, estamos sempre desenvolvendo para servir como ponte da indústria de luxo para novas tecnologias e configurações onde os clientes de luxo estão hoje.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_