Fidelity supostamente irá viabilizar trading de Bitcoin em algumas semanas

Companhia de investimentos poderá disponibilizar serviços relacionados a Bitcoin em breve

De acordo com uma informação compartilhada pela Bloomberg, a Fidelity irá viabilizar negociações em Bitcoin para clientes institucionais nas próximas semanas.

Aparentemente uma fonte anônima informou o site de que a Fidelity Digital Assets, subsidiária lançada em outubro de 2018, iria expandir seu “leque” de serviços.

No início do ano a plataforma foi ao ar, mas com poucos ativos sob gestão, sendo lançada oficialmente em março apenas para clientes selecionados. Agora, de acordo com a fonte, o serviço comercial será disponibilizado dentro de poucas semanas, focando em traders de grande volume.

Embora o caso não tenha sido confirmado pela própria Fidelity, a empresa deu uma dica de que seu próximo movimento envolveria mais integração com o ecossistema do Bitcoin.

“Continuaremos a implantar nossos serviços nas próximas semanas e meses baseado na necessidade dos nossos clientes, jurisdições, e outros fatores. Atualmente, nossa oferta de serviço está focada no Bitcoin.”, disse a porta-voz Arlene Roberts à Bloomberg em um email.

Com a iniciativa, a Fidelity poderá estar lado a lado com a Robinhood e E*Trade no oferecimento de trading de criptomoedas aos clientes, apesar de que a fonte afirma que o alvo da empresa são clientes institucionais, e não de varejo como nas outras plataformas.

Recentemente o WeBitcoin noticiou que uma pesquisa realizada pela Fidelity afirma que investidores institucionais irão aumentar a busca por criptomoedas nos próximos 5 anos.

De acordo com o estudo, atualmente cerca de 22% dos investidores institucionais possuem algum tipo de ligação com o setor, e a maioria  dos investimentos foi realizada nos últimos 3 anos. O projeto entrevistou mais de 400 instituições, das quais pelo menos 40% considera investir neste mercado até 2024.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli