Fundador da MicroStrategy: “Bitcoin escala muito bem como reserva de valor”

Michael Saylor, cofundador da MicroStrategy, passou de descrente à entusiasta do Bitcoin

Michael Saylor, fundador da MicroStrategy, empresa de inteligência de negócios listada na NASDAQ, afirmou que o Bitcoin “escala muito bem como reserva de valor”. Ele fez os comentários por meio de sua conta no Twitter depois que a empresa adquiriu um adicional de 21.454 BTC (~ $ 234,6 milhões).

A aquisição se deu por meio de 78.388 transações fora da rede. De acordo com Saylor, o Bitcoin está sob um “cold storage” com 18 transações on-chain.

Em 14 de setembro de 2020, a MicroStrategy comprou 16.796 bitcoins adicionais a um preço de compra agregado de $ 175 milhões. O Bitcoin total da empresa agora tem um preço de compra total agregado de mais de $ 425 milhões.

Ao falar no Pomp Podcast, Saylor observou que os retornos do Bitcoin ultrapassaram o Tesouro tradicional. De acordo com Saylor:

“Há algo como $ 200T em títulos de dívida e tesouraria que têm um rendimento real negativo e o único debate é o quão negativo é. Bitcoin é a única coisa positiva que encontrei.”

Trechos do podcast compilado por Christopher Gimmer mostram que Saylor é da opinião de que o Bitcoin já está em uma posição dominante, sem volta. Ele acrescentou que:

“Nunca há um exemplo de uma rede digital monstruosa de $ 100 bilhões que foi derrotada quando alcançou essa posição dominante. Tudo o que você precisa fazer é ver o gráfico e pensar sobre a dinâmica e o efeito de rede. [Bitcoin] já ganhou.”

A aquisição significativa que faz parte do ‘Bitcoin Standard’ da MicroStrategy consolida firmemente o status de “Bitcoin Whale” da empresa. De acordo com Saylor, outras empresas seguirão o exemplo e darão início a Bancos Centrais.

Status quo na rede para permanecer raro

Em seu tweet, Saylor foi de opinião que um status quo em que as transações em rede para grandes investidores permanecerão raras. De acordo com Saylor:

“Se #Bitcoin for tratado como um ativo de reserva do tesouro, com base em nosso modelo, 99,98% de todas as transações serão fora da cadeia e os ativos em risco estarão em armazenamento frio 99,92% do tempo.”

Normalmente, as transações fora da cadeia por meio de plataformas como a Lightning Network permitem que o volume de transações de Bitcoin aumente. Ao mesmo tempo, não adiciona volume à blockchain e aumenta as taxas que beneficiam os mineiros.

Durante a entrevista com Pompletter.com, Saylor enfatizou sua confiança nos fundamentos técnicos da rede e em seu futuro. Devido às transações fora da cadeia, a MicroStrategy não terá o problema de dimensionamento para atender à demanda.

A compra ocorre após dois meses de transformação da MicroStrategy de uma empresa de superávit em uma empresa de milhões de dólares que aposta em Bitcoin. A estratégia vem após uma mudança na mentalidade de Saylor depois de dispensar o Bitcoin em 2013.

Fonte: Finbold

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.