Fundador de famoso aplicativo de transporte chinês pretende construir um Uber em blockchain

Chen Weixing, CEO da desenvolvedora de jogos Funcity e ex-fundador do aplicativo chinês de transporte Kuaidi Dache, revelou seus planos de construir um equivalente ao Uber, mas em blockchain.

Leia mais: “Cripto clínica” na Escócia trata viciados em Bitcoin

A nova plataforma, anunciada no domingo em um evento realizado após a Guiyang BigData Expo 2018, será desenvolvida em parceria com Yang Jun, co-fundador da Meituan, um dos maiores aplicativos de descontos da China, segundo uma postagem do WeChat de Chen.

Segundo o China Money Network, o empresário disse:

“Chamar transporte será a primeira vez que o blockchain será testado em uma aplicação social em larga escala.”

Embora ele não tenha revelado qual plataforma de blockchain será utilizada para desenvolver o aplicativo ou como ele planeja lidar com seus problemas de escalabilidade, o novo projeto de Chen é notável, tendo em vista seu histórico em desenvolver aplicativos relacionados a transporte.

Leia mais: Bithumb bloqueia trocas por meio de sua plataforma em 11 países

Fundado por Chen em 2012, Kuaidi Dache foi um sucesso instantâneo na China, rivalizando com o outro aplicativo já existente, Didi Chuxing.

Ambos apoiados por capital de risco e gigantes da internet, como Tencent e Alibaba, os dois entraram em uma guerra, diminuindo preços até se fundirem em 2014, tornando-se o maior aplicativo de transporte da China, mantendo o nome Didi Chuxing. A empresa enxotou o Uber da China após uma aquisição.

Ademais, o plano de Chen em adentrar a esfera do blockchain não é completamente surpreendente, tendo em vista que ele foi um dos mais ativos investidores da esfera na China.

Segundo um relato de fevereiro deste ano, Chen investiu em pelo menos uma dúzia de projetos de criptomoedas, incluindo algumas das maiores plataformas de troca existentes, como Binance e Huobi.

Leia mais: A exchange mais antiga do mundo, BTCC, lançará uma nova plataforma em junho

Fonte: CoinDesk