Fundador da Waves está mergulhado em US$ 500 milhões em dívidas por causa de sua stablecoin

Waves

A plataforma de empréstimos da Waves pode colocar os credores do USDN em risco, pois podem enfrentar limitação de retiradas até quitação da dívida

Com o crash das criptomoedas, muitas plataformas de empréstimos descentralizadas estão a uma grande liquidação de enfrentar a insolvência.

Sasha Ivanov, o fundador do ecossistema Blockchain Waves e sua stablecoin Neutrino (USDN), lidou com a crise de liquidez de uma maneira única: subsumindo seis empréstimos USDN em excesso em sua própria carteira. Ivanov prometeu liquidar lentamente a dívida sem fazer com que a moeda se desprendesse. Atualmente, o fundador da Waves tem mais de US$ 530 milhões em dívidas.

Ivanov passou o mês passado liquidando lentamente o estoque de USDN de sua carteira. A Waves demonstrou confiança de que a dívida será completada, mas os credores que desejam retirar ativos encontram limites de retirada e forte concorrência por qualquer liquidez disponível. Os críticos questionam se a dívida pode ser paga.

O fundador assumiu a dívida incobrável na Vires Finance, o protocolo do mercado monetário da Waves. O episódio é outro exemplo de plataformas de negociação descentralizadas que se centralizam durante as crises. Ivanov capturou esse sentimento em seu tweet anunciando a mudança.

https://twitter.com/sasha35625/status/1529076417731997699?s=20&t=nK0M1lIfitshlT8RYg7y1g

A mudança foi votada pelos detentores de tokens do Vires em 31 de maio. O Vires limitou as retiradas a US$ 1.000 USD Coin (USDC) ou Tether (USDT) por usuário por dia, mas os usuários lutaram para retirar seus ativos. A empresa adiciona esporadicamente liquidez ao Vires que é retirada em poucos minutos.

O USDN desafiou a especulação de que a moeda estava perto do colapso depois de desprender várias vezes durante a queda nos preços das criptomoedas. A centralização da dívida e os limites de retirada de Vires permitiram que o USDN restaurasse sua paridade de US$ 1 e evitasse uma espiral de morte semelhante à da UST.

A dívida de Ivanov acumula mais de meio milhão de dólares em juros diários, um saldo que ele deve pagar. Ainda assim, a empresa acredita que Ivanov encontrará uma saída.

Segundo disse Coleman Maher, chefe do ecossistema Waves:

Há 100% de confiança de que isso será resolvido. Pode levar algum tempo para ser resolvido, mas, eventualmente, será resolvido.

Várias fontes dentro da empresa disseram que a dívida de Ivanov será paga dentro de um ou dois meses. Os críticos não estão convencidos disto.

De acordo com o que disse Steven Paterson, CEO da Margin Syndicate:

Eu não sei onde vi recompras funcionarem. Existem dívidas incobráveis, mas isso é o que acontece. Não é a dívida que é o problema, é o modelo.

Paterson acredita que a seca de liquidez de Vires pode durar indefinidamente.

Eles não têm mecanismo para devolver liquidez ao sistema, disse Paterson.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_