Governo dos EUA afirma crescimento contínuo e adoção da Ripple (XRP)

Uso de criptomoedas, como o XRP da Ripple, tem sido benéfico para bancos e empresas de pagamento

O caso de uso da Ripple (XRP) no mercado de remessas acaba de receber um grande reconhecimento dos Estados Unidos em um documento oficial divulgado pelo governo do país. Ripple e XRP chegaram às manchetes depois que a criptomoeda e a tecnologia blockchain foram mencionadas pela primeira vez em uma publicação do governo dos EUA.

O Consumer Financial Protection Bureau (Agência de Proteção Financeira do Consumidor), também conhecido pela sigla CFPB, é uma agência dos EUA que orienta os consumidores no setor financeiro, e no documento intitulado “Transferências de remessas sob a Lei de Transferência Eletrônica de Fundos” afirma que a tecnologia Ripple (XRP) está sendo disruptiva na indústria de remessas.

A agência menciona que, no monitoramento do mercado de transferências de remessas, observou-se que o desenvolvimento da indústria continua progredindo, destacando o crescimento da Ripple (XRP) e do SWIFT como importantes implementações.

O CFPB observou que o produto de rastreamento de transferência de inovação de pagamentos globais (gpi) da SWIFT introduziu uma série de desenvolvimentos no setor, acrescentando que ajuda a aumentar “as informações iniciais disponíveis para as instituições de envio”.

O CFPB também destacou o progresso sustentado das empresas de criptomoedas e de seus parceiros crescentes em todo o mundo. Ao mencionar apenas a Ripple e seu token nativo XRP, o departamento declarou que a tecnologia blockchain oferece uma plataforma para transferência monetária.

“O crescimento contínuo e a expansão de parcerias de empresas de criptomoedas, como a Ripple, que oferecem plataformas de pagamentos para apoiar transferências de dinheiro entre fronteiras, bem como uma criptomoeda proprietária, XRP, que pode ser usada para efetuar a liquidação dessas transferências ”, Observou o CFPB.

A Repartição afirmou que os desenvolvimentos sugerem que os bancos e as cooperativas de crédito podem reduzir essa dependência de estimativas no futuro próximo, resultando em uma maior padronização, que permite que as instituições de envio calculem taxas e taxas de câmbio exatas de terceiros.

O CFPB diz acreditar que, com a crescente adoção dos produtos GPI da SWIFT e Ripple (XRP) para fins de remessa, os bancos e as cooperativas de crédito agora podem estimar o valor exato que um destinatário receberá em uma transferência de remessa antes de executar a transação.

No relatório de avaliação, o CFPB afirmou que foram observadas mudanças e desenvolvimentos significativos no mercado de remessas desde a promulgação da “Transferência de Remessas sob a Lei de Transferência Eletrônica de Fundos”.

Fonte: News Logical

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader desde 2017. Aficionado por tecnologia e entusiasta das criptomoedas, viu no WeBitcoin a oportunidade de unir duas paixões.