Grupo Ripio anuncia captação de US$50 milhões em rodada Série B

Ao atingir marca de 2 milhões de clientes, anuncia a capitalização de investimentos no total de US$ 50 milhões

O fundo Amplo VC e participantes individuais, como Marcos Galperin (fundador e CEO da Mercado Livre) e Martin Migoya (fundador e CEO da Globant) entram para o rol de investidores do Grupo Ripio, que já conta com DCG, Tim Draper, Boost.vc., entre outros.

O investimento ajudará a fortalecer a posição da companhia na região, que acaba de ultrapassar 2 milhões de usuários distribuídos predominantemente entre seus dois principais mercados,  Argentina e Brasil.

A empresa está em franca expansão pela América Latina, tendo consolidado sua posição no  mercado brasileiro após concluir, em janeiro, a aquisição da BitcoinTrade, uma das principais  exchanges do país. Além disso, a empresa continua a aumentar sua presença no México, Colômbia, Uruguai e Espanha.

“Estamos muito felizes em continuar consolidando nosso relacionamento com os investidores que impulsionaram nosso crescimento desde o início”, afirma Sebastián Serrano, Cofundador e CEO da Ripio e uma das principais referências do mercado cripto no continente. “Esta rodada é um avanço natural que nos permite continuar construindo e expandindo nossos produtos na região, com a missão de ampliar o acesso ao mundo cripto, criando ferramentas simples e oferecendo recursos
educacionais de qualidade para conhecer o universo cripto”, completou

Ripio é uma das marcas de cripto de crescimento mais rápido na América Latina. A empresa nasceu em 2013 como uma das primeiras startups de cripto do continente. Desde então, formou alianças estratégicas com Mercado Pago, Visa e Circle. A empresa realizou auditorias de compliance externas da Ernst & Young e PwC e montou uma equipe de 300 pessoas na Argentina, Brasil, Uruguai, México, Colômbia e Espanha.

Fonte: Business Partner

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_