Hackeada novamente, Bithumb supostamente perde mais de 3 milhões de EOS

Exchange é alvo de hackers pela segunda vez em menos de 1 ano

Na última sexta-feira, 29 de março, a exchange Bithumb alertou os usuários que iria desabilitar temporariamente os serviços de depósito e saque para realizar uma verificação com o objetivo de oferecer um serviço “mais estável”.

Algumas horas depois, a plataforma publicou outro alerta, se desculpando pela demora e afirmando que todos os fundos dos usuários estavam intocados.

WeBitcoin: Hackeada novamente, Bithumb perde mais de 3 milhões de EOS

Pedimos desculpas aos nossos membros pelo atraso no serviço de depósito e saque de criptomoedas, nós gostaríamos de informá-los das circunstâncias e confirmar que todos os seus ativos estão a salvo. Para mais detalhes >>

No link disponibilizado, a plataforma conta que às 22h45 do dia 29 foi detectado um “saque anormal das criptomoedas da empresa através de um sistema anormal de monitoramento de trading da Bithumb.” A exchange segue afirmando que todos os ativos roubados eram de posse da própria plataforma, visto que os ativos dos usuários estavam a salvo em cold wallets.

De acordo com a Bithumb, após uma inspeção foi concluído que o incidente envolveu “pessoas de dentro” da exchange, acrescentando que investigações estão sendo conduzidas com a Agência de Polícia Cibernética, KISA e outras companhias de segurança.

De acordo com usuários do Twitter, mais de 3 milhões de unidades de EOS foram desviadas.

WeBitcoin: Hackeada novamente, Bithumb perde mais de 3 milhões de EOS

A Bithumb está sendo hackeada, em seu nível cold storage de EOS!!! Mais de 3 milhões de EOS foram transferidos.

Detalhe a ser relatado, (o dado apresentado) foi confirmado pela firma de segurança que está auditando para a Bithumb.

Como há histórico de fundos roubados sendo transferidos para sua exchange, O CEO da Binance, Changpeng Zhao, rapidamente se prontificou a afirmar que nenhum ativo desviado chegou a plataforma.

De acordo com outros tweets de @DoveyMan, a wallet da Ripple também foi hackeada, e 20.000.000 XRP fora roubados. O perfil afirma ainda que os fundos desviados foram enviados para a KuCoin, Huobi, CoinSwitch, ChangeNOW, EXMO e HitBTC.

Até o momento, a única exchange que se pronunciou foi a Binance.

Esta não é a primeira vez que a Bithumb é hackeada, visto que em junho de 2018 a plataforma perdeu US$31 milhões em uma invasão, com um total de 11 criptomodas roubadas. Posteriormente, com o auxílio de outras exchanges, a plataforma foi capaz de reduzir o capital desviado para US$17 milhões.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli