Mais de 25% dos universitários no Reino Unido planejam ter seu próprio negócio

Coletivamente, os estudantes empreendedores do Reino Unido têm um faturamento de £ 1 bilhão (equivalente a mais de 5 bilhões de reais)

Atualmente, mais de um quarto dos estudantes universitários no Reino Unido está tentando ou planeja administrar uma empresa enquanto estuda, segundo uma nova pesquisa.

O estudo realizado por uma divisão do Santander dedicada ao financiamento de pequenas empresas e estudantes constatou que os jovens empreendedores têm um faturamento médio de £ 11.408 por ano.

Coletivamente, os estudantes empreendedores no Reino Unido têm um faturamento de £ 1 bilhão, o que representa um aumento de 32% em relação aos £ 913 milhões registrados em 2016.

Sessenta por cento dos estudantes citaram a motivação financeira como o razão mais comum para iniciar um negócio, segundo a pesquisa.

“Os estudantes empreendedores desempenham um papel fundamental na formação da economia do Reino Unido agora e continuarão a fazê-lo no futuro”, disse Matt Hutnell, diretor das Universidades Santander do Reino Unido.

59% disseram que o desejo de seguir um hobby os levou a abrir um negócio e 32% citaram a intenção de ganhar experiência de trabalho como motivo para abrir um novo empreendimento.

A maioria dos empreendimentos estudantis são negócios baseados em tecnologia (27%), seguidos por artes (17%) e têxteis (9%).

“É encorajador ver que tantos estudantes são inspirados a começar um negócio na universidade, desde o desenvolvimento de software até o design e a venda de roupas”, disse ele.

*Imagem de: Gerd Altmann por Pixabay

Fonte: Independent

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.