McAfee DEX suportará em breve TRON, EOS, BNB e NEO

John McAfee está disposto a seguir sua visão de um mundo descentralizado, não importa o que pensem governos, empresas e órgãos reguladores

Quando o McAfee DEX foi lançado, ele prometeu que qualquer token ERC-20 seria suportado. No entanto, a promessa de integração entre blockchain sensibilizou muitos entusiastas de criptomoedas e, algumas horas atrás, ele provou que estava comprometido em entregar.

Em um tweet sóbrio e conciso, John anunciou que o McAfee Dex será compatível com o TRON, permitindo que os usuários negociem não apenas o TRX, mas qualquer outro token TRC10 e TRC20. Este novo recurso será lançado em 8 de novembro.

O padrão TRC

De acordo com o site oficial da TRON, o TRC-20 é um padrão para contratos inteligentes semelhantes ao que um token ERC-20 seria na rede Ethereum. Um token TRC-10 é um token que não requer a redação de um contrato inteligente e visa basicamente a simplificação de transações, tornando-as mais eficientes. O USDT, por exemplo, é executado no TRON como um token TRC-20. Até agora, o McAfee DEX era compatível apenas com tokens em execução na blockchain Ethereum.

John também disse que seu McAfee DEX seria capaz de rodar no blockchain TRON logo após o lançamento:

Embora o tweet não forneça detalhes sobre outras integrações, a McAfee já anunciou suas intenções de oferecer suporte ao EOS, BNB e NEO no McAfee Dex. Em uma entrevista recente, o especialista em tecnologia garantiu que, até o primeiro semestre de 2020, será possível executar negociações entre tokens nativos dessas cadeias de blocos de maneira transparente:

“Em 8 de novembro, adicionaremos a blockchain Tron e em 1º de janeiro adicionaremos Binance, EOS e NEO. Seremos, de fato, o equivalente à Binance, apenas foram distribuídos e descentralizados, e não custa nada listar uma moeda na exchange”.

Reação da comunidade

Os esforços do McAfee não passaram despercebidos pela comunidade. Muitos tentaram boicotar essa exchange. No mesmo dia de sua criação, o McAfee DEX sofreu uma série de ataques DDoS que foram rapidamente resolvidos.

Da mesma forma, logo após o lançamento, houve relatos de pessoas digitando o URL errado para o URL do McAfee DEX e sendo redirecionadas para links de referência aleatórios da Binance.

As coisas parecem estar indo bem para John no universo das criptomoedas: sua plataforma McAfeeMagic é estável e crescente, e seu McAfee DEX está atingindo seus objetivos. Até o seu “experimento social” de flertar com uma moeda de zumbi parece ter chegado ao fim … Mas isso será abordado em outra notícia quando ele explicar sobre o que realmente era toda essa loucura!

Fonte: BeInCrypto

Foto de Bruno Lugarini
Foto de Bruno Lugarini O autor:

Estudante de Sistema da Informação, técnico de informática, apaixonado por tecnologia, entusiasta das criptomoedas e Nerd.