Medalhistas olímpicos e paralímpicos que brilharam em Tóquio viram NFTs

Empresa do comunicador digital Felipe Neto e do empresário e empreendedor digital João Pedro Paes Leme lançam NFTs dos medalhistas olímpicos e paralímpicos.

Medalhistas olímpicos e paralímpicos que brilharam em Tóquio viram NFTs pelas mãos de artistas renomados.

A 9Block, plataforma para a venda de NFTs criada pela Play9, estúdio de conteúdo do comunicador digital Felipe Neto e do empresário e empreendedor digital João Pedro Paes Leme, convidou artistas renomados para criarem NFTs de medalhistas que fizeram história nos Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020.

Alguns dos atletas homenageados, que terão suas obras digitais disponíveis no próximo sábado, 2 de outubro, são: Isaquias Queiroz, ouro na canoagem, Mayra Aguiar, medalha de bronze no judô, Beatriz Ferreira, prata no boxe, a dupla Martine Grael e Kahena Kunze, primeiro lugar na vela, Rebecca Andrade, ouro no salto e prata no individual geral na ginástica artística, Bruno Fratus, bronze na natação, Ana Marcela, ouro na maratona aquática, Kelvin Hoefler, medalha de prata no skate street e Fernando Scheffer, bronze na natação.

Para criar os traços e os desenhos dos esportistas, respeitando suas características e individualidades, artistas brasileiros – que desenham há muito tempo alguns dos mais famosos heróis dos quadrinhos e do cinema – tiveram uma grande missão.

Mike Deodato, responsável pelos traços dos super-heróis mais populares como Hulk, Thor e Homem-Aranha, Luke Ross, que tem como principais trabalhos os quadrinhos “Spectacular Spider Man”, “Justice League” e também a linha Star Wars, Cliff Richards, Wellington Dias, Geraldo Borges, Peter Vale, Will Conrad, Leno, Priscila Petraites e TJ foram os convidados da vez para este desafio.

Em breve, o projeto da 9Block contemplará também os medalhistas paralímpicos.

9Block democratização na criação e comercialização das NFTs

Criada em junho de 2021, a 9Block é a primeira plataforma 100% brasileira de NFTs baseada na tecnologia de blockchain Hathor. Com o objetivo de democratizar a criação e comercialização de artes digitais, ela se diferencia das demais pela simplicidade e baixo custo de uso.

O mundo NFT

A palavra NFT vem de “non-fungible token”, ou “token não fungível”. Esse token é uma sequência única que não pode ser alterada e está sendo usada para dar autenticidade a objetos físicos ou digitais. Trata-se de outra aplicação da mesma tecnologia que permitiu o surgimento do bitcoin e das criptomoedas.

A blockchain é o sistema de segurança utilizado pelas criptomoedas, o que garante a segurança e validade das transações. Atualmente, os NFT utilizam a rede da criptomoeda Ethereum para emitir e armazenar o certificado digital.

Foto de Neidson Soares
Foto de Neidson Soares O autor:

Conheceu esse universo dos criptoativos em 2016 e desde 2017 vem intensificando a busca por conhecimentos na área. Hoje trabalha juntamente com sua esposa no criptomercado de forma profissional. Bacharelando em Blockchain, Criptomoedas e Finanças na Era Digital.

neidson8