Microstrategy compra 262 BTCs adicionais por US$ 15 milhões

A MicroStrategy agora detém 91.326 BTCs

A Microstrategy agora detém mais de 90.000 bitcoins após a última compra do seu CEO, o que significa mais de $ 5 bilhões em Bitcoin. Michael Saylor comprou 262 bitcoins adicionais por um preço médio de $ 57.146. O anuncio dessa nova compra de bitcoins equivale a US$ 15 milhões.

Depois de declarar em fevereiro que o Bitcoin seria um ativo de US$ 100 trilhões (o que significa um preço por Bitcoin de cerca de US$ 5 milhões), o Bitcoin ainda está em fase de acumulação, de acordo com o CEO.

Este é apenas o mais recente investimento em Bitcoin para compradores recorrentes da MicroStrategy. Embora este seja menos substancial do que o investimento de US$ 1 bilhão em 24 de fevereiro, ele envia uma mensagem clara: o mercado de alta apenas começou.

Saylor começou a comprar Bitcoin em agosto e desde então se juntou a outras grandes empresas do Vale do Silício, nenhuma mais famosa do que a Tesla. Ele também deu seminários e apresentações para outros CEOs para explicar a proposta de valor do Bitcoin.

Empresa de Michael Saylor já havia comprado Bitcoin esse mês

Michael Saylor anunciou no último dia 5 de março a até então mais recente compra de Bitcoin de sua empresa de capital aberto no Twitter. De acordo com o tweet, a MicroStrategy comprou 205 Bitcoins adicionais no valor de $ 10 milhões em fiat, a um preço médio de aproximadamente $ 48.888 por BTC.

Em 5 de março de 2021, a empresa detinha 91.064 Bitcoins adquiridos por cerca de US $ 2,196 bilhões. Esse anúncio ocorreu quatro dias após a última compra de Bitcoin da empresa em 1 de março de 2020. Na época, a MicroStrategy gastou cerca de US $ 15 milhões para comprar 328 BTCs adicionais.

Fonte: CryptoBriefing

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.