Mineração em crise: Apenas duas máquinas de mineração de Bitcoin ASIC apresentam lucro no mercado

O lucro não passa de US$0,60

Graças às recorrentes quedas apresentadas pelo Bitcoin e demais criptomoedas, até mesmo as novas máquinas de mineração estão encontrando dificuldades em obter lucro para seus operadores.

De acordo com dados do ASICMinervalue.com (AMV), que calcula o lucro em tempo real para mineradores ASIC, apenas duas máquinas estão operando fora do vermelho.

Ambas as máquinas são voltadas à mineração de moedas baseadas na função hash “SHA-256”, que engloba ativos como o Bitcoin e o Bitcoin Cash. Os modelos foram lançados em outubro deste ano, e apresentam um lucro diário de US$0,58 e US$0,21.

A máquina mais lucrativa é a Ebit 11 ++, lançada pela Ebang Communication, fabricante chinesa de hardware de mineração. Atualmente o produto custa em torno de US$2.024.

Recentemente o WeBitcoin noticiou que grande parte das mineradoras chinesas estão vendendo Bitcoin à descoberto para tentar sobreviver a este cenário de crise, que atingiu também a Bitmain, grande fabricante da indústria de mineração, que decidiu encerrar as atividades de seu Centro de Desenvolvimento em Israel.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli