Mineradoras chinesas vendem Bitcoin a descoberto para sobreviver à queda de preços

Se não aderirem à prática, muitas mineradoras serão eliminadas

De acordo com relatos, graças à queda no preço do Bitcoin, mineradoras chinesas estão vendendo o ativo a descoberto para tentar passar pelo período turbulento.

Prática comum no mercado financeiro, a venda a descoberto consiste em vender um ativo que ainda não se possui, esperando que o valor deste caia futuramente para então comprá-lo de volta. Entretanto, no caso das mineradoras chinesas, a estratégia está sendo utilizada para sobreviver ao cenário atual das criptomoedas.

Graças às recentes quedas no valor dos ativos, a mineração não é tão lucrativa quanto anteriormente. Quando os preços eram mais altos, as mineradoras seguravam as moedas por longos períodos.

No entanto, de acordo com o mineiro Jin Xin, muitos de seus colegas no setor estavam realizando vendas de Bitcoin a descoberto para se proteger das baixas do mercado.

“Se eu minerar 30 moedas no próximo mês, enquanto o preço pode continuar a cair mais 10% de acordo com a tendência atual, irei colocar um pedido de venda descoberta na Exchange para vendê-las pelo preço atual, mas com a entrega marcada para o próximo mês”

Segundo ele, tendo esta prática como última opção, muitas mineradoras que não aderirem serão eliminadas.

FONTE: BITCOIN.COM

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli