Nasdaq anuncia patente Blockchain para controlar liberação de informações para mídia

O mercado se aproxima cada vez mais das criptomoedas

Nesta terça-feira (23 de outubro) a Nasdaq, segunda maior empresa no mercado de ações mundial em valor de mercado, anunciou uma nova patente blockchain visando combater o vazamento de informações para a indústria da mídia.

A iniciativa foi apresentada originalmente em janeiro de 2017, e faz referência a um “sistema informatizado (…) fornecido para liberar de forma segura informações sensíveis (…) através de um blockchain”.

De acordo com a Nasdaq, o foco é liberar informações de maneira oportuna para a mídia de um ponto de vista legal.

Determinado remetente envia um documento para o sistema e uma transação baseada em blockchain é criada e enviada com base no documento (…). Um editor poderá editar o documento e um aprovador deverá aprova-lo para que o documento seja liberado aos destinatários“.

Aparentemente, todas as modificações e aprovações são registradas como transações separadas no blockchain. Os editores, aprovadores remetentes e destinatários devem utilizar identificadores digitais para interagir, como chaves privadas.

Leia mais: É oficial: primeira exchange fiat-cripto da Binance é lançada

O anúncio da patente marca o novo passo na interação da Nasdaq com a tecnologia das criptomoedas. Recentemente, a bolsa realizou um teste de um sistema blockchain para a garantia de títulos.

Em setembro, executivos da Nasdaq declararam estar cogitando uma possibilidade de adicionar dados de criptografia às ferramentas de análise de mercado, após perceberem um amplo interesse dos usuários.

Leia mais: A importância das novas stablecoins se basearem em Ethereum

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli