Grupo Bitcoin Banco alerta usuários sobre golpe envolvendo a agilização de saques

Golpistas se passam por colaboradores do Grupo Bitcoin Banco para enganar clientes

Na última quarta-feira (17) a equipe da exchange Negociecoins alertou em seu perfil no Twitter sobre um novo golpe envolvendo indivíduos que estão se passando por colaboradores, prometendo agilizar os saques dos usuários nas plataformas do Grupo Bitcoin Banco.

De acordo com o comunicado, o golpe foi identificado pois não há priorização de saques nas exchanges do grupo, acrescentando ainda que os procedimentos aparentemente são realizados por um departamento isolado.

Como a fila de saques é longa e está sujeita a um sistema de escolha aleatória (segundo o GBB), é provável que vários clientes tenham caído no golpe citado, em busca de reaver seus fundos.

No início do mês o GBB alertou os usuários sobre uma suposta invasão na ferramenta utilizada para o envio de email marketing, resultando no disparo de conteúdo fraudulento sob o remetente @btc-banco.com. O grupo afirmou que não é da sua política o envio de Spams solicitando depósitos, pedindo ainda para que os clientes não efetuassem transferências para as wallets indicadas nos emails.

Desde que a empresa passou por uma suposta fraude em maio, a situação não é das melhores para os usuários das exchanges do Grupo Bitcoin Banco.

Apesar do GBB ter apresentado algumas alternativas para ressarcir os usuários, como a BR2EX, muitos clientes declaram que até mesmo os novos acordos estão sendo fonte de problemas, como apontam alguns casos relatados no Reclame Aqui.

Mesmo o chat de atendimento 24h, viabilizado pelo grupo no dia 17 de junho, recebeu duras críticas. De acordo com uma reclamação, os responsáveis pelo canal de atendimento não passam informações concretas e apenas pedem para que o usuário espere.

Na última semana houve certo burburinho após o GBB ter modificado seu quadro social, retirando o fundador Cláudio Oliveira da diretoria. O cargo de presidente agora é ocupado por Johnny Pablo Santos, que anteriormente era o Diretor Administrativo e Gestor de Risco do grupo. Aparentemente, Oliveira ainda possui uma participação como sócio do Bitcoin Banco.

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli