O ‘family office’ de George Soros começou a negociar Bitcoin

George Soros, que já criticou abertamente o Bitcoin, tinha um patrimônio líquido de cerca 8 bilhões de dólares em 2018

O titã dos fundos de hedge, George Soros, se tornou o mais recente bilionário a se juntar à corrida dourada do Bitcoin. De acordo com a State Street, que cita pessoas familiarizadas com o assunto, a Soros Fund Management recebeu aprovação interna do CIO Dawn Fitzpatrick para começar a negociar criptomoedas em junho.

De acordo com o relatório do meio financeiro, o family office não está caindo de cabeça nos ativos digitais por acaso, o que implica uma grande aposta.

Em janeiro de 2018, o lendário investidor chamou o Bitcoin de “uma bolha típica”. Suas palavras coincidentemente vieram certas quando o mercado atingiu o topo de sua corrida de alta anterior.

Um dos princípios de investimento mais ousados ​​de Soros é colocar dinheiro em bolhas durante seus estágios iniciais, o que ele acredita não ser irracional:

“Quando vejo uma bolha se formando, corro para comprar, colocando lenha na fogueira.”

Soros ganhou fama quando comprou ouro no início de 2010, quando estava no meio de uma grande alta, saindo do ativo antes que a bolha estourasse.

Fonte: U.Today

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.