O Google Maps está ficando mais detalhado e mais colorido

O Google está tornando o Maps ainda melhor

O Google anunciou esta semana o lançamento de novas melhorias visuais que trarão ainda mais detalhes e granularidade ao seu popular aplicativo de mapeamento. Não é uma grande mudança, mas quando você já opera o principal aplicativo de mapeamento, cada pequena melhoria só tende a aumentar ainda mais sua liderança.

O Google Maps já oferece imagens de satélite de alta definição para mais de 98 por cento da população mundial, mas sempre há espaço para melhorias. Graças a um novo algoritmo de mapeamento de cores, o Google agora pode oferecer um mapa mais vibrante de uma área ao visualizar em escala global.

google maps detalhado

A técnica utiliza visão computacional para identificar características naturais em imagens de satélite, então as analisa e atribui uma cor a partir do modelo de cores HSV. Isso significa que os usuários poderão ver os topos de neve nos picos das montanhas, lagos azuis, vegetação verde exuberante e praias bronzeadas de relance. Existem até tons variados, por exemplo, você pode visualizar a densidade do verde em uma determinada região com facilidade.

2020 08 19 image 26

O Google também está trabalhando para atualizar o Maps com informações de ruas altamente detalhadas que ilustrarão a forma e a largura de uma estrada em escala. A gigante da tecnologia observou que ser capaz de ver exatamente onde as calçadas, faixas de pedestres e ilhas de pedestres estão localizadas pode ser crucial para aqueles com necessidades de acessibilidade e será ainda mais útil no futuro, pois as pessoas cada vez mais optam por transporte solo devido à pandemia.

Esses novos mapas de ruas detalhados serão lançados na cidade de Nova York, São Francisco e Londres nos próximos meses, antes de se expandir para mais cidades. Os mapas mais coloridos do Google, entretanto, começam a ser lançados esta semana para usuários em todo o mundo.

Fonte: TechSpot

Foto de Marcelo Roncate
Foto de Marcelo Roncate O autor:

Estudante de História e trader aposentado. Segue firme como entusiasta do Bitcoin e inimigo declarado das pirâmides financeiras.