R$24.000: o preço do Bitcoin faz um salto colossal e atinge novo recorde

O preço do bitcoin alcançou um novo recorde

O preço do bitcoin alcançou um novo recorde pelo terceiro dia consecutivo, superando a marca de US$ 6.600 ou R$24.000 pela primeira vez após o anúncio do Grupo CME de que listaria futuros de bitcoin em sua exchange de derivativos.

Como informou a CCN, a CME Group – a maior bolsa de derivativos regulamentados do mundo – anunciou na terça-feira que planeja se tornar a primeira plataforma comercial negociada dos Estados Unidos para o lançamento de contratos de futuros da criptomoeda.

Esta notícia atraiu muitas pessoas de desprevenido porque o CME Group havia declarado, tão recentemente como no mês passado, que não planejava listar o bitcoin no futuro próximo. No entanto, o operador cambial inverteu essa posição, citando alta demanda por produtos financeiros institucionais e comerciais que proporcionam aos investidores a exposição ao bitcoin.

Ascensão nos últimos dias

O preço da bitcoin já havia alcançado uma nova marca de alta margem no domingo, cruzando o limite de $6,300, e o anúncio do Grupo CME forneceu ao bitcoin o combustível que precisava para continuar a escalar os gráficos. Pouco depois do anúncio, o preço do bitcoin aumentou acima de US$ 6.400, e sustentou esse avanço durante todo o resto do dia.

Leia mais: Nada de bruxas: O preço do Bitcoin subiu nesta terça-feira, saiba o motivo

Apesar deste rápido avanço, o preço do bitcoin subiu ainda mais na terça-feira, perfurando US$ 6.600 na Coinbase de exchange de bitcoins nos EUA para alcançar um novo recorde histórico de US $ 6.619, no Brasil o Mercado Bitcoin chegou a negociá-lo por R$24.000. Isso se traduz em um limite de mercado de mais de US$ 110 bilhões, elevando a participação dominante do bitcoin no limite total do mercado de criptomoedas para pouco menos de 60%.

Listagem oficial dos contratos futuros de Bitcoin do Grupo CME

A listagem oficial dos contratos futuros de Bitcoin do Grupo CME – previsto para o final do ano – provavelmente provocará outro aumento de preços, bem como uma infusão significativa de capital das firmas de Wall Street.

Além disso, a existência de contratos de futuros de bitcoin deve permitir que a Securities and Exchange Commission (SEC) comece a revisar os pedidos de ETF Bitcoin, fundos negociados em bolsa para contratos de futuros de bitcoin.

Esses FBB Bitcoin estarão disponíveis para investidores de varejo, introduzirão mais liquidez para o ecossistema e muitos analistas esperam que seu lançamento fará com que o preço do bitcoin seja aumentado ainda mais, talvez até US$ 7.500 ou US$ 10.000, cerca de R$25.000 e R$33.000 respectivamente, no futuro próximo.

Hostilidade dos Reguladores

Claro, o rápido avanço do preço do bitcoin em resposta ao anúncio indica que, até certo ponto, esses desenvolvimentos antecipados já foram precificados. Consequentemente, o preço do bitcoin poderia ver uma correção moderada se os reguladores assumirem uma posição hostil nos contratos de futuros ou ETFs que negociam esses contratos.

No entanto, Terry Duffy, presidente e diretor executivo do CME Group, afirmou que o operador de câmbio está trabalhando em estreita colaboração com os reguladores para levar esses produtos financeiros ao mercado, e ele não espera que os regulamentos impeçam a exchange do lançamento de contratos futuros de bitcoin.

Fonte: CNBC

Equipe Webitcoin

Foto de Andre Cardoso
Foto de Andre Cardoso O autor:

André , ariano, engenheiro, empreendedor, trader de criptos profissional, palestrante e professor. Adora números, gráficos e aprender coisas novas.

andre.cardoso.btc/