Pesquisadores do ramo de blockchain constroem uma exchange de eletricidade

Pesquisadores de uma das maiores universidades da China afirmaram ter desenvolvido uma exchange descentralizada, mas não para cripto ativos, e sim para energia elétrica não utilizada.

Leia mais: Credores da Mt. Gox revisam plano de pagamento para serem restituídos em BTC e BCH

Um requerimento de patente feito em janeiro pela equipe da Universidade de Fudan, na China, mostra o trabalho de uma exchange de eletricidade baseada em blockchain, que registra vendedores e compradores de energia como nós da rede, permitindo que eles troquem eletricidade de forma segura, sem a necessidade de um intermediário.

Utilizando a rede, nós podem transmitir pedidos de compra e venda, sendo pareados posteriormente por meio de smart contracts, baseados em dados como volume e valor, para realizarem a transação – um mecanismo semelhante ao de uma exchange descentralizada.

O esforço é uma resposta à crescente demanda por energia renovável na China, especialmente energia solar gerada por lares, geralmente captadas em excesso em algumas regiões.

Leia mais: Madonna se alia à Ripple para ajudar órfãos em Malawi

Os pesquisadores escreveram:

“Os lares não têm outra escolha a não ser desperdiçar a energia solar não utilizada, pois eles não possuem uma forma direta de trocá-la por eletricidade.”

Para facilitar as transações na rede descentralizada, uma moeda digital pode ser utilizada entre compradores e vendedores, explicou o requerimento.

Embora ainda não esteja claro quais ativos digitais a plataforma utilizará, o sistema até agora está previsto para ser construído sobre dois sistemas de blockchain, segundo a equipe de Fudan.

“Esta ideia pode ser concretizada em um blockchain público, privado ou de consórcio. E, nesse caso, o sistema já foi desenvolvido para trabalhar sobre a plataforma Hyperledger, da IBM, bem como sobre o blockchain Ethereum, visando tornar a eletricidade um objeto de troca, compartilhável dentro de uma comunidade,” declarou o documento.

Leia mais: Fundador da Bitmain: Bitcoin Cash tem o potencial para inovação, mas deixa a desejar em liberdade

Fonte: CoinDesk