Polygon anuncia seu manifesto verde e se tornará neutra em carbono

Polygon

A Polygon também compensará 20 milhões de crédito extras devido a sua pegadas de carbono

A rede Polygon anunciou na terça-feira (12) seu compromisso de se tornar neutra em carbono e positiva para o clima ainda este ano, lançando seu “Manifesto Verde: Um Contrato Inteligente com o Planeta Terra”. Eles também fizeram uma promessa de US$ 20 milhões para compensar suas pegadas de carbono e comprar créditos extras para eventualmente se tornarem negativos em carbono, conforme divulgado por Cointelegraph.

Segundo a empresa, o Manifesto Verde coloca a liberdade “no centro do ethos da Web3” e as mudanças climáticas como a maior ameaça a essa liberdade. Tornar-se neutro em carbono significa que cada negociação NFT cunhada, token bridge ou DeFi feita na Polygon será contabilizada e seu impacto ambiental será compensado. Sua visão de longo prazo é que o ecossistema se torne o primeiro blockchain a ser o que eles chamam de positivo para o clima.

A Rede está colaborando com a KlimaDAO, uma organização de desenvolvedores que fornece tecnologia de compensação de carbono na cadeia, bem como a Offsetra, que fornece uma ferramenta de análise que mede a intensidade de carbono da rede. Ao analisar as emissões do hardware do nó de staking ou atividades de ponte e o consumo de energia da interação com a Ethereum Mainnet, pode-se formar melhor uma estratégia de gerenciamento.

A Polygon também publicou uma análise de emissões que descobriu que 99% das emissões da rede são devido a atividades de checkpoint e ponte que envolvem transações na Ethereum Mainnet. A Polygon citou um total de emissões de rede de 90.645 toneladas de CO2e de fevereiro de 2021 a fevereiro de 2022, sob empresas como Microsoft e Deloitte.

Recentemente, a Polygon levantou US$ 450 milhões em uma rodada de financiamento liderada pela Sequoia e outros grandes fundos de risco de blockchain para expandir suas soluções de dimensionamento, que incluem Polygon PoS, Polygon Edge e Polygon Avail. De acordo com o cofundador da rede, Sandeep Nailwal, essas iniciativas de escalabilidade e sustentabilidade fazem parte de sua estratégia geral para promover a adoção generalizada de aplicativos Web3.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_