Ranking Chinês mantém EOS no topo, Bitcoin sobe duas posições

TRON desbanca Ethereum e toma segundo lugar

O Centro de Informação e Desenvolvimento da Indústria da China (CCID) divulgou na última terça-feira, 26 de fevereiro, o décimo relatório de classificação de criptomoedas, no qual a EOS manteve o primeiro lugar, seguido pela TRON.

Operando sob o Ministério da Indústria e Tecnologia da Informação da China, o centro iniciou a atividade em maio de 2018. O primeiro relatório avaliou 28 criptoativos, e a primeira posição do ranking foi ocupada pelo Ethereum (ETH).

A TRON foi adicionada no último relatório, que contava com 35 ativos, e tomou a posição do Ethereum no segundo lugar. O Bitcoin, anteriormente ocupando a 15ª posição, subiu para a 13ª. O último lugar foi ocupado pela NEM, que perdeu sua posição anterior para o Litecoin.

O relatório possui três categorias de nota: tecnologia básica, inovação e aplicação. Registrando a maior nota, a EOS ocupa a primeira posição desde junho, e atualmente é a quarta maior criptomoeda por capitalização de mercado segundo o CoinMarketCap.

Recentemente o WeBitcoin noticiou que uma falha de segurança possibilitou o roubo de US$7,7 milhões em tokens EOS. No início do mês a equipe EOS aparentemente pagou milhares de dólares a white hat hackers pela identificação de vulnerabilidades críticas no sistema da moeda.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli