Relatório aponta usos do blockchain para o governo dos Estados Unidos

Autoridades dos Estados Unidos ganham guia para aplicações blockchain

A organização de pesquisa Data Foundation e a empresa de TI Booz Allen Hamilton publicaram um relatório com cinco questões propostas para guiar o governo dos Estados Unidos em onde e como implementar iniciativas blockchain.

A pesquisa foi publicada no relatório “Trazendo o Blockchain Para o Governo: Um Caminho a Seguir Para Criar Iniciativas Federais Eficazes com Blockchain“, lançado na última segunda-feira (10).

De acordo com o texto, soluções blockchain fazem sentido quando aplicadas a algum tipo de procedimento com um nível de consistência pré-determinado e baixo nível de agilidade, assumindo que o sistema imutável oferecido pela tecnologia é avaliado pela tarefa, em primeiro lugar.

O relatório aponta cindo questões sobre como uma organização federal pode decidir se uma solução blockchain faz sentido:

“1. O blockchain oferece um benefício real para informações seguras, confiáveis, ou transparentes? …2. O blockchain pode se aplicado com facilidade e eficiência? … 3. Qual design de blockchain é mais apropriado?… 4. O custo da aplicação do blockchain é ‘merecido’ em relação aos ganhos informativos?… 5. A aplicação satisfaz as leis aplicáveis ​​de compartilhamento de dados e confidencialidade?”

Com tais critérios, as organizações analisaram sete instâncias de iniciativas blockchain em nível federal que julgaram bem-sucedidas.

O relatório levou em consideração diversas iniciativas focadas na tecnologia em várias agências, como a FDA (Food and Drug Administration), o Departamento de Saúde e Serviços Humanos, o Departamento do Tesouro e o Departamento da Defesa, entre outros.

A pesquisa aponta que os programas estão em estados variados de sucesso e desenvolvimento. A equipe conclui que, “Se o blockchain será um sucesso no governo ainda está para ser visto. Mas, por enquanto, a aplicação do blockchain para programas e operações do governo deve ser um desenvolvimento bem-vindo, quando possível. ”

Anteriormente a FDA lançou um programa piloto utilizando blockchain no rastreio de cadeias de suprimento para produtos farmacêuticos. O Programa Piloto do Projeto sob a Lei de Segurança da Cadeia de Suprimentos de ‘Drogas’ é focado especificamente no monitoramento de produtos farmacêuticos para evitar a falsificação.

FONTE: COINTELEGRAPH

Foto de Beatriz Orlandeli
Foto de Beatriz Orlandeli O autor:

Simpatizante das criptomoedas, após cursar Arquitetura e Urbanismo, reavivou um antigo gosto pela escrita e atualmente trabalha como redatora do WeBitcoin.

biaorlandeli