Restaurante Welly queimará todo lucro obtido com Shiba Inu

Welly

Welly foi o primeiro restaurante do mundo a aceitar SHIB como forma de pagamentos e agora afirma que vai queimar lucros obtidos

Em um tweet sobre a utilidade da criptomoeda, Welly confirmou que queimará o SHIB de várias maneiras diferentes, incluindo o uso de porcentagens das taxas de franquia cobradas e por meio de uma porcentagem dos lucros líquidos da empresa.

A cadeia de fast-food, com sede em Nápoles, Itália, anunciou no início deste mês que iria queimar SHIB toda vez que alguém fizesse uma compra por meio do processador de pagamentos de criptomoeda NOWPayments. Quando Welly finge começar a queimar ainda não está claro.

Conforme relatado, Welly disse que, desde o lançamento do formulário de inscrição para franquia em seu site, recebeu “uma enorme quantidade de solicitações, literalmente de todo o mundo”. Está programado para abrir uma nova loja principal em uma “cidade reconhecida mundialmente” no primeiro trimestre de 2023.

A confirmação de Welly de que queimará ativamente o SHIB ocorreu logo após o lançamento do portal de queima da criptomoeda, que inclui recompensas de token para os usuários. A queima de tokens, vale a pena notar, remove-os permanentemente de circulação, enviando-os para uma carteira da qual nunca podem ser recuperados.

Os projetos geralmente queimam tokens para reduzir a oferta circulante, que, se atendida com demanda semelhante ou crescente e isto pode levar a um aumento no preço do token, por este motivo a queima favorece muito a comunidade do token.

Segundo o portal, já foram tirados de circulação o equivalente a 263 bilhões de tokens entre o período de outubro de 2021 a abril de 2022, de acordo com dados disponíveis.

O portal de queima, no entanto, envia aos usuários que queimam tokens “burntSHIB”, que podem ser apostados para gerar recompensas na forma de tokens RYOSHI, um token separado no ecossistema SHIB.

No momento em que este artigo esta sendo editado, 18,4 bilhões de SHIB, no valor de mais de US$ 400.000, já foram queimados. Os usuários que confirmam seus tokens recebem uma TAEG de 6,2%, de acordo com os dados do portal de queima.

Foto de Washington Leite
Foto de Washington Leite O autor:

Formado em Administração de Empresas, sou entusiasta da tecnologia e fascinado pelo mundo das criptomoedas, me aventuro no mundo do trade, sendo um eterno aluno. Bitcoin: The money of the future

WashingtonLeite_